Gish

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gish
Álbum de estúdio de The Smashing Pumpkins
Lançamento 28 de Maio de 1991
Gravação Smart Studios, Dezembro de 1990 - Março de 1991
Gênero(s) Grunge
Duração 45:45
Gravadora(s) Caroline Records
Produção Butch Vig, Billy Corgan
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de The Smashing Pumpkins
Último
Último
Lull
(1991)
Próximo
Próximo

Gish é o álbum de estréia do Smashing Pumpkins. O título foi escolhido baseado no sobrenome da atriz de cinema mudo, Lillian Gish, da qual a mãe de Billy Corgan era fã. Segundo Corgan, o nome Gish tinha uma fonética agradável. Ele pensara em dar o nome Fish, mas optou por Gish pois o outro nome poderia criar uma confusão entre o nome do álbum e uma banda de rock progressivo chamada Phish. O disco foi gravado entre Dezembro de 1990 e Março de 1991 nos Butch Vig's Smart Studios em Madison, Wisconsin, e lançado em 28 de Maio de 1991.

As faixas "I Am One", "Rhinoceros", "Bury Me" e "Daydream" também aparecem nas fitas demo gravadas no começo de 1989.

James Iha declarou que comprou sua primeira guitarra Gibson Les Paul para a gravação de Gish. Ele usou exclusivamente este modelo de guitarras até o álbum Adore, de 1998.

Gish alcançou o 195° na parada americana algum tempo após seu lançamento, e actualmente é certificado de Platina, por ultrapassar o milhão de cópias vendidas. Até Maio de 2005, 1,1 milhão de cópias foram vendidas (somente nos Estados Unidos).

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas compostas por Billy Corgan, exceto "I Am One", composta por James Iha e Billy Corgan

  1. "I Am One" – 4:07
  2. "Siva" – 4:20
  3. "Rhinoceros" – 6:32
  4. "Bury Me" – 4:48
  5. "Crush" – 3:35
  6. "Suffer" – 5:11
  7. "Snail" – 5:11
  8. "Tristessa" – 3:33
  9. "Window Paine" – 5:51
  10. "Daydream" – 3:08
    • "I'm Going Crazy" (faixa oculta) - 0:30

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Siva" foi uma edição limitada, nos formatos 12" e CD, juntamente com a faixa "Window Paine"
  • "Rhinoceros" aparece no EP Lull
  • "I Am One" foi relançada como um single no CD com "Plume" e "Starla".
  • "Tristessa", foi lançada como single antes da gravação do álbum.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.

As seguintes canções foram escritas e gravadas para entrarem em "Gish", mas não tiveram este destino. Todas, excepto duas, foram lançadas mais tarde numa coletânea de lados b.

  • "Blue" (lançada em Lull e em Pisces Iscariot)
  • "Obscured" (lançada em Pisces Iscariot)
  • "Slunk" (lançada em Lull e em Earphoria)
  • "Why Am I So Tired?" (lançada em Earphoria)
  • "Jesus Loves His Babies" (lançada no raro box Mashed Potatoes, de 1993)
  • "La Dolly Vita" (originalmente, era o lado b de "Tristessa" e foi relançada em Pisces Iscariot)

Créditos[editar | editar código-fonte]

Gish também teve um flautista na faixa "Suffer", mas seu nome não foi divulgado.

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de The Smashing Pumpkins é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.