Giuseppe Puglisi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Padre Giuseppe Puglisi mais conhecido como don Pino Puglisi (don con n em lingua italiana è sinónimo de padre, e Pino quer dizer Zezinho em giria) (Palermo, 15 de Setembro de 1937 - Palermo, 15 de Setembro de 1993) foi um sacerdote italiano, assassinado pela máfia pelo seu trabalho de prevenção contra a delinquência e a droga com os jovens.

Em 25 de Maio de 2013 foi proclamado bem-aventurado e beatificado pelo Papa Francisco pelo seu compromisso ao Evangelho no uso dessa luta. A cerimónia em Palermo, no parque Foro Italico, foi presidida pelo arcebispo dom Paolo Romeo, e a carta de beatificação foi lida para dom Salvatore De Giorgi, delegado do papa.

Foi o primeiro mártir da Igreja Católica por causa da Cosa Nostra[1] .

Foi uma das personagens usadas pelo produtor italiano Roberto Faenza no seu filme "A Luce del Sole", de 2005, mas que segundo consta não era uma personagem amarga e isolada conforme foi aí retratado[2] .

Referências