Gleicheniales

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Este verbete define as Gleicheniales em sentido amplo. Para uma definição mais restrita, ver Gleicheniaceae.
Como ler uma caixa taxonómicaGleicheniales
Dipteris conjugata

Dipteris conjugata
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Pteridophyta (ver texto)
Classe: Polypodiopsida
Ordem: Gleicheniales (ver texto)
A.B.Frank in Leunis
Famílias
Dipteridaceae

Gleicheniaceae
Matoniaceae

Sinónimos
Gleicheniatae

Gleicheniopsida
(ver texto)

Os fetos da ordem Gleicheniales são - como todos os fetos e Equisetum - por vezes colocados na infradivisão Monilophyta da subdivisão Euphyllophytina, permitindo um arranjo taxonómico mais preciso de Trachaeophyta. Mais convencionalmente, o nome Pteridophyta, considerado como divisão, é utilizado em lugar de Monilophyta.[1]

Características[editar | editar código-fonte]

Estes fetos caraterizam-se por os cilindros centrais das suas raízes terem 3 a 5 pólos de protoxilema e anterídeos com 6 a 12 células estreitas e curvadas ou torcidas nas suas paredes.[1] Além disto, o seu hábito é altamente diverso, incluindo plantas com frondes típicas dos fetos, outras cujas folhas se assemelham às das palmeiras, e outras ainda que possuem folhas indivisas. São fetos tropicais, com maior diversidade na Ásia e na região do Pacífico.

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

Existe alguma disputa sobre a classificação destes fetos. Podem ser alternativamente considerados uma subclasse Gleicheniatae de Polypodiopsida, com os taxa tratados como famílias aqui promovidos a ordens, de forma a poder estabelecer-se uma subclasse distinta para os fetos leptosporangiados.

Noutros tratamentos taxonómicos, a definição é alargada para incluir a ordem Hymenophyllales, bem como o género de aspeto similar Hymenophyllopsis (como ordem Hymenophyllopsidales). O grupo resultante pode ser tratado como uma classe Gleicheniopsida ao lado de Polypodiopsida, que estaria assim limitada aos fetos leptosporangiados. Alternativamente, este grupo pode ser considerado uma subclasse, Gleicheniatae, com Polypodiopsida a abranger todos os fetos "verdadeiros" e excluindo apenas Marattiopsida e Psilotopsida. Porém, as Gleicheniales expandidas não parecem ser monofiléticas, mas antes um grupo basal, retendo traços antigos entre os fetos existentes - apesar de Hymenophyllopsis, por exemplo, poder ser um ramo atavístico de Cyatheaceae[1] .

Independentemente do seu tratamento taxonómico moderno, as Gleicheniales eram anteriormente incluídas na ordem Polypodiales. Mas os fetos em sentido amplo são um grupo demasiado diverso para ser empurrado para um taxon de tão baixa ordem.[1]

O taxon não-monofilético Microphyllopteris é usado para algumas Gleicheniales do Mesozóico que não podem ser seguramente classificadas em ordens atuais. Os géneros do Triássico Antarctipteris e Gleichenipteris são por vezes classificados em Gleicheniaceae, mas provavelmente é preferível classificá-los como Gleicheniales incertae sedis[1] .

Referências

  1. a b c d e Smith et al. (2006)
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gleicheniales
  • Smith, A. R.; Pryer, Kathleen M.; Schuettpelz, E.; Korall, P.; Schneider, H. & Wolf, P.G. (2006): A classification for extant ferns. Taxon 55(3): 705-731. PDF fulltext