Glossário da morfologia vegetal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Glossário da morfologia vegetal, ou terminologia descritiva das plantas, é a designação dada ao conjunto de termos utilizados por botânicos, taxonomistas e outros biólogos na descrição técnica da morfologia vegetal. Esta terminologia foi desenvolvida ao longo dos séculos criando um vocabulário específico, maioritariamente com etimologia neolatina e neo-helénica, que inclui um elevado número de termos especificamente criados para descrever os órgãos das plantas e as suas partes que podem ser observados com o olho humano usando não mais do que uma lupa de mão. Estes termos são utilizados para identificar e classificar as plantas.

A[editar | editar código-fonte]

abaxial
O lado mais afastado ou oposto ao eixo, por exemplo a página inferior de uma folha.
abortar
A abandonar o desenvolvimento de uma estrutura de um órgão.
abscisão
(adjectivo abscissível): A perda normal, em geral por queda, de uma estrutura ou órgão de uma planta que está maduro ou envelhecido, por exemplo, um fruto maduro ou uma folha velha.
Planta acaulescente Welwitschia.
acaulescente
Adjectivo usado para descrever uma planta sem caule apparente, ou pelo menos não visível acima do solo. Exemplos incluem algumas espécies de Agave, Oxalis e Attalea.[1]
acrescente
Que acresce en tamanho com a idade, como o cálice que continua a crescer após a queda da corola, por exemplo em Physalis peruviana.
-aceae
Sufixo adicionado à raíz do nome genérico do género-tipo para formar o nome de uma família.
aquénio
Um fruto seco e indeiscente que contém uma única semente; p. ex. o fruto das espécies da família Ranunculaceae.
acicular
Afilado ou em forma de agulha. Ver morfologia foliar.
acropetal ou acrópeto
Diz-se de uma substância que se move das raizes para as folhas (p.ex. os sinais moleculares nas plantas) ou uma sucessão de desenvolvimento ou abertura das folhas ou flores da base para o ápice. O oposto de basípeto.
acrófilo
As folhas regulares de uma planta matura, produzidas acima da base; as frondes distais, adultas, de certas filicíneas hemiepífitas com frondes heterófilas, especialmente Teratophyllum; o oposto de batifilo.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. Shreve, Forrest; Wiggins, Ira. Vegetation and Flora of the Sonoran Desert. Stanford University Press, 1964. ISBN 978-0804701631

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Stearn, W.T. 1983. Botanical Latin. David & Charles, North Pomfret, Vermont.
  • Benjamin D. Jackson. A Glossary of Botanic Terms. Duckworth: London. J.B. Lippincott Company: Philadelphia (1928).
  • Michael Hickey and Clive King. 2001. The Cambridge Illustrated Glossary of Botanical Terms. Cambridge University Press: U.K.. ISBN 978-0-521-79401-5
  • James G. Harris and Melinda Woolf Harris. Plant Identification Terminology: An Illustrated Glossary. Spring Lake Publishing: Spring Lake, UT, USA. (1994).
  • David B. Lellinger. 2002. A Modern Multilingual Glossary for Taxonomic Pteridology (Pteridologia, 3). American Fern Society. ISBN 978-0-933500-02-0.
  • Ernest M. Gifford and Adriance S. Foster. 1989. Morphology and Evolution of Vascular Plants, 3rd edition. W. H. Freeman. ISBN 978-0-7167-1946-5
  • Jones, Samuel B., and Arlene E. Luchsinger. 1979. Plant systematics. McGraw-Hill series in organismic biology. New York: McGraw-Hill.
  • Usher, George, and George Usher. 1996. The Wordsworth dictionary of botany. Ware, Hertfordshire: Wordsworth Reference.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]