Glyptodontidae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaGliptodontídeos
Ocorrência: Mioceno - Pleistoceno
Gliptodonte

Gliptodonte
Estado de conservação
Extinta (fóssil)
Classificação científica
Reino: Animalia
Divisão: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Cingulata
Família: Glyptodontidae
Burmeister, 1879
Gêneros
Ver texto
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Glyptodontidae

Glyptodontidae é uma família de mamíferos herbívoros, atualmente extintos, assemelhados aos tatus, dentre os quais se destacam os notórios gliptodontes. Os gliptodontídeos desenvolveram durante o Mioceno na América do Sul. A principal característica do gliptodontídeos era a sua armadura como a de tatus, que se protegia das aves predadoras gigantes da família das forusracídeas.

Um dos primeiros gliptodontídeos do Mioceno com muitas características primitivas, quando comparado com outras espécies, Parapropalaehoplophorus septentrionalis, foi descoberto no Chile e descrito em 2007.

Gliptodontídeos foram extinto no final da última era glacial, juntamente com um grande número de outras espécies da megafauna pleistocênica, incluindo as preguiças gigantes e as "lhamas macrauquênias". Seus parentes muito menor, mais leve e flexível blindados, os tatus, sobreviveram.

Gêneros[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Mamíferos pré-históricos, integrado ao WikiProjeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.