Gochin no Tajima

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Samurai com Naginata

Gochi-in no Tajima ( 五智院但马 ? , chamado Tajima Cortador de Flechas) era um shoei (monge guerreiro) de Mii-dera que lutou ao lado das forças do Clã Minamoto, junto com muitos de seus companheiros na Batalha de Uji em 1180.

A ponte do Rio Uji estava sendo desmantelada pelos soheis amigos de Tajima, mas os atacantes do Clã Taira atiravam flechas, e ameaçavam atravessar o rio. Tajima então subiu na ponte e girando sua naginata, desviou muitas, se não a maioria das flechas que vinham no caminho.

De acordo com a Heike Monogatari,

"Então Gochi-in no Tajima, jogou fora a bainha de sua naginata, e caminhou sozinho na ponte, quando então o Heike (Taira) imediatamente disparou contra ele rápido e furioso. Tajima, não se perturbou, se agachando para evitar as mais altas e saltando sobre aquelas que voavam baixo, cortau todas aquelas que voaram direto na direção de sua naginata zumbidora, até mesmo o inimigo olhava com admiração. Foi assim que ele foi apelidado de "Tajima Cortador de Flechas" [1] .

Tajima foi relacionado como um dos samurais partidários do Príncipe Mochihito, e não como um monge guerreiro, como aparece na maioria das fontes.


Referências

  1. Stephen Turnbull. The Samurai Swordsman: Master of War (em inglês). North Clarendon: Tuttle Publishing, 2008. p. 29. ISBN 9784805309568.
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.