Golfinho Tião

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Golfinho Tião foi o nome recebido por um golfinho Flipper acusado de atacar a matar banhistas na cidade de Caraguatatuba, litoral norte de São Paulo, em 1994.[1]

O golfinho teria reagido a agressões de alguns turistas, que tentaram agarrar as suas nadadeiras e também introduzir palitos nas suas narinas. Entre 27 a 29 pessoas foram feridas, sendo que uma delas morreu com um golpe no fígado.[1]

Comerciantes e empresários criaram uma comissão para defender Tião, já que o prefeito Sidney Trombini queria a transferência do golfinho. O IBAMA por sua vez se manifestou em favor do animal.[2]

Referências

  1. a b Flipper assassino. Revista Veja. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.
  2. Caraguá cria comissão para defender Tião. Folha de S. Paulo. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.