Grahame-White Type X

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido (desde abril de 2014). Ajude e colabore com a tradução.

O Grahame-White Type X Charabanc ou Aerobus foi um biplano britânico de passageiros da década de 1910, projetado e construído pela Grahame-White Aviation Company localizada no aeródromo de Hendon, Norte de Londres.

O Charabanc foi criado para satisfazer a demanda por voos carregando passageiro, que não podiam ser atendidos pelos projetos de dois lugares existentes. Uma nacele alongada montada na asa inferior, levava o piloto na parte da frente e quatro passageiros em duas fileiras de dois assentos na parte de trás.[1]

Projetado por J. D. North, o primeiro voo ocorreu em 1913 usando um motor Austro-Daimler de 120 hp. Em 2 de Outubro daquele ano, ele estabeleceu um recorde carregando novo passageiros, num voo de cerca de vinte minutos,[1] mas para atender as regras da inscrição para a Michelin Cup de 1913, que exigia um avião totalmente britânico, o motor foi substituído por um Green E.6 de 100 hp. O Charabanc venceu essa competição, cobrindo uma distância de mais de 482 km em 9 de Novembro de 1913, pilotado por R.H. Carr.[2] O primeiro salto de paraquedas de um avião na Grã Bretanha foi feito por W. Newell de um Charabanc em Hendon em 9 de Maio de 1914.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Lewis, Peter M. H. British Aircraft 1809-1914 London: Putnam, 1962 pp 284-285
  2. Flight: Reginald H. Carr, 22 November 1913, p.1064.
  3. Flight: Flying at Hendon, 15 May 1913 p.508,

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Lewis, Peter M. H. British Aircraft 1809-1914 London: Putnam, 1962 p. 284-285
  • The Illustrated Encyclopedia of Aircraft (Part Work 1982-1985), 1985, Orbis Publishing, Page 1998

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um avião, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.