Grand Theft Auto (jogo eletrônico)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2013). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Grand Theft Auto
Produtora DMA Design (atual Rockstar North) e Tarantula Studios (atual Rockstar Lincoln)
Editora(s) BMG Interactive, ASC Games e Take-Two
Plataforma(s) MS-DOS, Microsoft Windows, PlayStation e Game Boy Color
Série Grand Theft Auto
Data(s) de lançamento Outubro de 1997
Gênero(s) Ação-aventura
Modos de jogo Single player e multiplayer
Classificação BBFC (Reino Unido)
Inadequado para menores de 17 anos i ESRB (América do Norte)[1]
Inadequado para menores de 16 anos i USK (Alemanha)
Média CD-ROM, cartucho e download
Requisitos mínimos 486 DX4/100Mhz CPU - 16 MB RAM - 1 MB Video RAM
Controles Teclado e mouse ou gamepad
Idioma Inglês
Último
Último
Grand Theft Auto 2
Próximo
Próximo

Grand Theft Auto, ou GTA, como é mais conhecido, é um jogo lançado originalmente para PC pela DMA Design, onde a principal característica é a possibilidade de roubar qualquer um dos carros do jogo.

Primeiro jogo do que viria a ser uma lucrativa franquia, Grand Theft Auto em seu lançamento foi um controverso marco para o mundo dos jogos, pois pela primeira vez era possível ser o bandido e ter a liberdade de fazer qualquer coisa, podendo escolher quando e como fazer as missões, além de explorar uma cidade inteira rica em personagens e missões paralelas.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

O jogador escolhe entre vários "personagens" (que, na verdade, não possuem diferença alguma dentro do jogo em si). Uma vez iniciado, o jogo é visto em 2D (com partes em 3D, como os prédios, por exemplo), e o jogador tem a visão de cima, do ponto de vista de um helicóptero. Inicialmente a pé, o jogador pode escolher roubar praticamente qualquer um dos carros da cidade, mesmo os que estiverem em movimento (basta pará-los e depois retirar o motorista). Estão disponíveis para o jogador várias armas, como pistolas, metralhadoras, lança-mísseis, etc, coletes à prova de balas, power-ups (vida extra, velocidade, etc), além de um pager (para receber algum outro tipo de missão). Cada ação ilegal do jogador tem o potencial de atrair a atenção da polícia, que vai usar diferentes métodos para a captura, dependendo do nível de atenção sobre o personagem (representado por uma série de escudos policiais no topo da tela).

Em quase todos os momentos, uma seta aparece próximo ao personagem, indicando o ponto de missão mais perto (geralmente uma cabine telefônica), onde é possível receber várias missões mais ou menos independentes — que vão desde ajudar um assaltante a fugir do banco até eliminar advogados que tenham passado o personagem para trás. Geralmente, cada missão libera uma outra, estabelecendo uma linha aproximada a ser seguida. Cada missão completada e cada ação ilegal gera "dinheiro" (o score, ou pontuação), que pode também servir de parâmetro para liberar novas missões ou novas cidades (o score e a seta mudam de cor).

Cidades[editar | editar código-fonte]

A história do jogo se passa em três cidades fictícias: Liberty City (Nova Iorque), San Andreas (San Francisco) e Vice City (Miami), cada uma delas disponível após o jogador terminar a anterior. Nestas cidades são encontradas diversas missões e curiosidades, como o grupo de hare krishnas que passeiam e cantam em grupo (e que muitas vezes são assassinados pelo jogador). Existe no jogo, também, o que, mais tarde, seria conhecido como rampage (carnificina): os Kill Frenzy ("Fúria Assassina"), pequenas missões menores cujo objetivo é causar o máximo de destruição pela cidade, ora ateando fogo nos pedestres, ora lançando mísseis em ônibus, e, geralmente, a recompensa em tais missões é (paradoxalmente) tirar a polícia do encalço do personagem.

Logo em seguida, foi lançada uma expansão para esse título chamada Grand Theft Auto: London, 1969, na qual passa a existir um pequeno enredo.

Referências

  1. Rating Information - Grand Theft Auto (em Inglês). Visitado em 08 de Abril de 2013.