Grande Prêmio da Alemanha de 2006 (Fórmula 1)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
GP da Alemanha de F-1 2006
Circuit Hokenheimring.png
Grande Prêmio da Alemanha de 2006 (Fórmula 1).
Detalhes da corrida
Data 30 de Julho de 2006
Nome oficial LXVIII Großer Mobil 1 Preis von Deutschland
Local Hockenheimring,
Hockenheim, Alemanha
Percurso 4.574 km
Total 67 voltas / 306.458 km
Pole
Piloto
Finlândia Kimi Räikkönen McLaren-Mercedes
Tempo 1:14.070
Volta mais rápida
Piloto
Alemanha Michael Schumacher Ferrari
Tempo 1:16.357 (na volta 17)
Pódio
Primeiro
Alemanha Michael Schumacher Ferrari
Segundo
Brasil Felipe Massa Ferrari
Terceiro
Finlândia Kimi Räikkönen McLaren-Mercedes


O Grande Prêmio da Alemanha de 2006 foi a décima segunda corrida da temporada de 2006.

Pilotos de sexta-feira[editar | editar código-fonte]

Construtor Piloto
Williams-Cosworth 35 Áustria Alexander Wurz
Honda 36 Reino Unido Anthony Davidson
Red Bull-Ferrari 37 Países Baixos Robert Doornbos
BMW Sauber 38 Polónia Robert Kubica
MF1-Toyota 39 Alemanha Markus Winkelhock
Toro Rosso-Cosworth 40 Suíça Neel Jani
Super Aguri-Honda - n/a

Treino classificatório[editar | editar código-fonte]

Pos Piloto Construtor Parte 3 Parte 2 Parte 1
1 Finlândia Kimi Räikkönen McLaren-Mercedes 1:14.070 1:14.410 1:15.214
2 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 1:14.205 1:13.778 1:14.904
3 Brasil Felipe Massa Ferrari 1:14.569 1:14.094 1:14.412
4 Reino Unido Jenson Button Honda 1:14:862 1:14:378 1:15.869
5 Itália Giancarlo Fisichella Renault 1:14.894 1:14.540 1:15.916
6 Brasil Rubens Barrichello Honda 1:14:934 1:14.652 1:15.757
7 Espanha Fernando Alonso Renault 1:15.282 1:14.746 1:15.518
8 Alemanha Ralf Schumacher Toyota 1:15.923 1:14.743 1:15.789
9 Espanha Pedro de la Rosa McLaren-Mercedes 1:15.936 1:15.021 1:15.655
10 Reino Unido David Coulthard Red Bull-Ferrari 1:16.326 1:14.826 1:15.836
11 Austrália Mark Webber Williams-Cosworth 1:15.094 1:15.719
12 Áustria Christian Klien Red Bull-Ferrari 1:15.141 1:15.816
13 Itália Jarno Trulli Toyota 1:15.150 1:15.430
14 Canadá Jacques Villeneuve BMW Sauber 1:15:329 1:16.281
15 Alemanha Nico Rosberg Williams-Cosworth 1:15.380 1:16.183
16 Alemanha Nick Heidfeld BMW Sauber 1:15.397 1:16.234
17 Itália Vitantonio Liuzzi Toro Rosso-Cosworth 1:16.399
18 Países Baixos Christijan Albers MF1-Toyota 1:17.093
19 Japão Takuma Sato Super Aguri-Honda 1:17.185
20 Portugal Tiago Monteiro MF1-Toyota 1:17.836
21 Japão Sakon Yamamoto Super Aguri-Honda 1:20.444
22 Estados Unidos Scott Speed Toro Rosso-Cosworth s/tempo

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pos No Piloto Construtor Voltas Tempo/Abandono Grid Pontos
1 5 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 67 1:27:51.693 2 10
2 6 Brasil Felipe Massa Ferrari 67 +0.720 3 8
3 3 Finlândia Kimi Räikkönen McLaren-Mercedes 67 +13.206 1 6
4 12 Reino Unido Jenson Button Honda 67 +18.898 4 5
5 1 Espanha Fernando Alonso Renault 67 +23.707 7 4
6 2 Itália Giancarlo Fisichella Renault 67 +24.814 5 3
7 8 Itália Jarno Trulli Toyota 67 +26.544 20 2
8 15 Áustria Christian Klien Red Bull-Ferrari 67 +48.131 12 1
9 7 Alemanha Ralf Schumacher Toyota 67 +1:00.747 8
10 20 Itália Vitantonio Liuzzi Toro Rosso-Cosworth 66 +1 volta 16
11 14 Reino Unido David Coulthard Red Bull-Ferrari 66 +1 volta 10
12 21 Estados Unidos Scott Speed Toro Rosso-Cosworth 66 +1 volta 19
Ret 9 Austrália Mark Webber Williams-Cosworth 59 Vazamento de água 11
Ret 22 Japão Takuma Sato Super Aguri-Honda 38 Caixa de vel. 17
Ret 17 Canadá Jacques Villeneuve BMW Sauber 30 Acidente 13
Ret 11 Brasil Rubens Barrichello Honda 18 Motor 6
Ret 16 Alemanha Nick Heidfeld BMW Sauber 9 Freios 15
Ret 4 Espanha Pedro de la Rosa McLaren-Mercedes 2 Bomba de combustível 9
Ret 23 Japão Sakon Yamamoto Super Aguri-Honda 1 Driveshaft 22
Ret 10 Alemanha Nico Rosberg Williams-Cosworth 0 Acidente 14
DSQ* 19 Países Baixos Christijan Albers MF1-Toyota 66 +1 volta 21
DSQ* 18 Portugal Tiago Monteiro MF1-Toyota 66 +1 volta 18

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Voltas na liderança: Kimi Räikkönen 9 (1–9), Michael Schumacher 58 (10–67).
  • Jarno Trulli e Christijan Albers receberam uma punição com a perda de dez posições no grid de largada por trocarem o motor.
  • Esta foi a primeira corrida de Sakon Yamamoto.
  • Sakon Yamamoto largou do pit lane porque trocou o carro após qualificação.
  • Esta foi a primeira vez que Räikkönen conseguiu acabar uma corrida em Hockenheim. Ele teve sorte, pois seu motor estourou durante a volta rumo ao pódio.
  • Ambos os carros da Midland F1 foram desqualificados após a corrida, porque a equipe havia utilizado asas flexíveis, que é ilegal.[1]
  • Esta foi a última corrida de Jacques Villeneuve na Fórmula 1.[1] [2]

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

Observe que somente as cinco primeiras posições estão incluídas na tabela.

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. "Au revoir Jacques", GrandPrix.com, 2006-08-07. Página visitada em 2006-08-21.
  2. "Kubica replaces Villeneuve", GrandPrix.com, 2006-08-01. Página visitada em 2006-08-21.
Prova Anterior:
Grande Prêmio da França de 2006
Campeonato do Mundo da FIA
Fórmula 1, Temporada 2006
Próxima Prova:
Grande Prêmio da Hungria de 2006

Prova Anterior:
Grande Prêmio da Alemanha de 2005
Grande Prêmio da Alemanha Próxima Prova:
Grande Prêmio da Alemanha de 2008


F1 2006 F1 2006: Equipes e pilotos | GPs Current event marker.png Temporada encerrada

Próximo GP: Austrália Austrália (18 de março)
Autódromo de Albert Park, Melbourne, Austrália
Vencedor em 2006: Fernando Alonso (Renault)

GP Anterior: Brasil Brasil (22 de outubro)
Interlagos, Brasil · Vencedor: Felipe Massa (Ferrari)

Mundial de pilotos
1 Alonso 134
2 M Schumacher 121
3 Massa 80
4 Fisichella 72
5 Räikkönen 65
Construtores
1 Renault 206
2 Ferrari 201
3 McLaren 110
4 Honda 86
5 BMW Sauber 36