Grande Prêmio do México de 1962 (Fórmula 1)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde maio de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros, acadêmico)Yahoo!Bing.

O I Grande Prêmio do México de Fórmula 1 foi realizado em 4 de novembro de 1962 no circuito de Magdalena Mixhuca, Cidade do México. A prova não era válida pelo campeonato mundial de Fórmula 1 porém foi realizada sob o mesmo regulamento e atraiu vários pilotos e equipes incluindo muitos dos melhores do mundo. A corrida teve 60 voltas e foi marcada pelo acidente que matou o prodígio mexicano Ricardo Rodríguez. O circuito foi depois denominado Autódromo Hermanos Rodriguez em homenagem a ele e seu irmão, Pedro, também piloto.

Resultados[editar | editar código-fonte]

Pos Piloto Equipe Construtor Tempo/Abandono Qual
1 Reino Unido Trevor Taylor / Jim Clark Team Lotus Lotus-Climax 2:03:50.09 3
2 Austrália Jack Brabham Brabham Racing Organisation Brabham-Climax + 1:01.01 7
3 Reino Unido Innes Ireland UDT Laystall Racing Team Lotus-Climax + 1 volta 2
4 Estados Unidos Jim Hall Jim Hall Lotus-Climax + 1 volta 10
5 Estados Unidos Masten Gregory UDT Laystall Racing Team Lotus-BRM + 1 volta 9
6 Estados Unidos Rob Schroeder John Mecom Lotus-Climax + 3 voltas 11
7 Países Baixos Carel Godin de Beaufort Ecurie Maarsbergen Porsche + 3 voltas 12
8 Estados Unidos Homer Rader Jim Hall Lotus-Climax + 3 voltas 14
9 Estados Unidos Jay Chamberlain Ecurie Excelsior Lotus-Climax + 7 voltas 16
Ret Estados Unidos Walt Hansgen Walter Hansgen Lotus-Climax Problemas na ignição 13
Ret Estados Unidos Roger Penske Dupont Team Zerex Lotus-Climax Câmbio 6
Ret Nova Zelândia Bruce McLaren Cooper Car Company Cooper-Climax Motor 5
DSQ Reino Unido Jim Clark Team Lotus Lotus-Climax Partida 1
Ret Reino Unido Roy Salvadori Bowmaker-Yeoman Racing Team Lola-Climax Acidente 8
Ret Estados Unidos Alan Connell Alan Connell Cooper-Climax Motor 15
Ret Alemanha Wolfgang Seidel Autosport Team Wolfgang Seidel Lotus-BRM Câmbio 17
Ret Reino Unido John Surtees Bowmaker-Yeoman Racing Team Lotus-Climax Ignição 4
WD México Moises Solana Bowmaker-Yeoman Racing Team Cooper-BRM Muito lento -
DNS México Ricardo Rodríguez Rob Walker Racing Team Lotus-Climax Acidente fatal -
DNA Estados Unidos Dan Gurney Porsche System Engineering Porsche
DNA Suécia Jo Bonnier Porsche System Engineering Porsche
  • Moises Solana abandonou durante os treinos dizendo que seu carro estava muito lento. Sua volta mais rápida foi melhor do que as dos pilotos Seidel, Connell, Rader, Chamberlain e Hansgen.

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Volta mais rápida: Jim Clark 1:57.6
Prova Anterior:
Grande Prémio dos Estados Unidos
Campeonato do Mundo da FIA
Fórmula 1, Temporada
Próxima Prova:
Grande Prémio da África do Sul

Prova Anterior:
Grande Prémio do México Próxima Prova: