Grupo Salvador Caetano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Grupo Salvador Caetano com a designação comercial Grupo Salvador Caetano, S.G.P.S., S.A.[1] é uma sociedade anónima portuguesa. Esta empresa foi a responsável pela fundação da "Toyota Caetano Portugal, S.A."[2] , que teve como fundador e dinamizador Salvador Fernandes Caetano.

História[editar | editar código-fonte]

O "embrião" do grupo foi a pequena Sociedade que Salvador Caetano estabeleceu em 1946 com o seu irmão Alfredo Caetano e com Joaquim Martins, que é também o "embrião" da Toyota Caetano Portugal, S.A.[3] . Quando esta pequena firma se desmembrou, ficou nas mãos de Salvador, tornando-se mais tarde a pioneira, em Portugal, na técnica de construção mista, utilizando perfis de aço e madeira, e no fabrico das carroçarias integralmente de metal (introduzidas em 1955). A empresa conquista rapidamente a confiança de importantes clientes. Em 1961, a firma de Salvador tem uma encomenda com muito impacto por parte do Serviço de Transportes Colectivos do Porto: 12 autocarros de 2 pisos. Foi esta encomenda que abriu caminho à exportação.

No ano de 1967 que se proporcionou o primeiro contrato de exportação de autocarros, para Inglaterra.[3] Um ano depois, Salvador Caetano tornou-se representante exclusivo da Toyota em Portugal[3] . Em 1971, ergueu a primeira unidade industrial de montagem de automóveis em Ovar[3] , e em apenas dez anos atingiu a montagem de 100 mil viaturas[4] . A empresa foi-se expandido, primeiro, por todo o país, e posteriormente, pelo estrangeiro. Em 1982 adquiriu a a empresa A.M. da Rocha Brito, Lda. que estava em situação de falência. Esta era a importadora, entre outros, dos camiões Hino, e viria a tornar-se na rampa de lançamento dos veículos BMW no mercado Português. Foi convertida e foi criada a firma Baviera representando oficialmente a BMW[4] .

Cumpridos 50 anos de actividade, no ano de 1996, Salvador Caetano já tinha criado ou adquirido 50 empresas nos mais variados sectores de actividade[3] .

No ano de 1998, a empresa de Salvador Caetano passou a comercializar a marca Premium Lexus em Portugal, sendo pioneira nisso.[5]

Cerca de um ano antes da sua morte, Salvador Caetano e a sua esposa decidiram dividir as suas posições accionistas pelos seus três filhos, de forma igualitária. Cada um dos três adquiriu, em partes iguais, participações accionistas no Grupo Salvador Caetano, nomeadamente nas Holdings Grupo Salvador Caetano, SGPS, S.A. (sector automóvel, indústria e novas tecnologias) e a Caetano SGPS, S.A. (outras actividades). Ana Maria Caetano adquiriu um conjunto de activos e de empresas, que passaram a constituir uma nova holding, denominada PARINAMA Participações e Investimentos SGPS SA (designada outrora Numercomplet SGPS Unipessoal Lda.). Ana Maria Caetano segue, assim, um projecto empresarial próprio e autónomo, o qual é integrado, entre outras, pela participação de 11% na Soares da Costa SA, e pela totalidade do capital social da Caetano Coatings (esta detém a unidade industrial do Carregado, relativa a componentes automóveis e pinturas industriais)[6] .

Quando o seu fundador, Salvador Caetano, faleceu, a 27 de Junho de 2011[7] , o Grupo Salvador Caetano tinha mais de 6800 colaboradores e 150 empresas[8]

Empresas do grupo[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. FICHA DE EMPRESA: GRUPO SALVADOR CAETANO, S.G.P.S., S.A.. Visitado em 15 de abril de 2010.
  2. A Toyota em Portugal - Cronologia. Visitado em 30 de Junho de 2011.
  3. a b c d e Morreu Salvador Caetano, o empresário que “veio para ficar e ficou mesmo” (em português) Rádio e Televisão de Portugal Rádio e Televisão de Portugal (27 de Junho de 2011). Visitado em 30 de Junho de 2011.
  4. a b "Um cidadão que se orgulha de ter feito os possíveis pelo desenvolvimento do país" SAPO SAPO (27 de Junho de 2011). Visitado em 30 de Junho de 2011.
  5. A Toyota em Portugal - Cronologia (em português) Toyota Portugal. Visitado em 30 de Junho de 2011.
  6. Grupo Salvador Caetano tem nova estrutura lusomotores.com lusomotores.com (4 de Fevereiro de 2010). Visitado em 30 de Junho de 2011.
  7. Morreu Salvador Caetano (em português) TVI24 TVI24 (27 de Junho de 2011). Visitado em 27 de junho de 2011.
  8. Salvador Caetano deixou grupo com 150 empresas e 6800 trabalhadores Rádio e Televisão de Portugal Rádio e Televisão de Portugal (28 de Junho de 2011). Visitado em 30 de Junho de 2011.
  9. Caetano Auto. Visitado em 25 de abril de 2011.
  10. Caetano City. Visitado em 25 de abril de 2011.
  11. Caetano Colisão. Visitado em 25 de abril de 2011.
  12. Caetano Components. Visitado em 25 de abril de 2011.
  13. Caetano Drive. Visitado em 25 de abril de 2011.
  14. Caetano Sport. Visitado em 25 de abril de 2011.
  15. Caetano Urban. Visitado em 25 de abril de 2011.
  16. Caetano Fórmula. Visitado em 25 de abril de 2011.
  17. Caetano Lyrsa. Visitado em 25 de abril de 2011.
  18. Caetano Motors. Visitado em 25 de abril de 2011.
  19. Caetano Parts. Visitado em 25 de abril de 2011.
  20. Caetano Power. Visitado em 25 de abril de 2011.
  21. Caetano Renting. Visitado em 25 de abril de 2011.
  22. Caetano Star. Visitado em 25 de abril de 2011.
  23. Caetano Technik. Visitado em 25 de abril de 2011.
  24. Caetano Squadra. Visitado em 25 de abril de 2011.
  25. CaetanoBus. Visitado em 25 de abril de 2011.
  26. Caetsu. Visitado em 25 de abril de 2011.
  27. CarPlus. Visitado em 25 de abril de 2011.
  28. ENP. Visitado em 25 de abril de 2011.
  29. FINLOG - Gestão de Frotas. Visitado em 6 de julho de 2013.
  30. Guerin Car Rental Solutions. Visitado em 25 de abril de 2011.
  31. Island Rent. Visitado em 25 de abril de 2011.
  32. Lusilectra, SA. Visitado em 25 de abril de 2011.
  33. Luso Assistência. Visitado em 25 de abril de 2011.
  34. MDS Auto – Mediação de Seguros. Visitado em 25 de abril de 2011.
  35. Portianga. Visitado em 25 de abril de 2011.
  36. Rigor - Consultoria e Gestão, SA. Visitado em 25 de abril de 2011.
  37. Toyota Caetano Portugal. Visitado em 15 de abril de 2011.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.