Gueto de Łomża

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Gueto de Łomża foi um gueto estabelecido pela Alemanha Nazista em 12 de agosto de 1941 na vizinhança do Velho Mercado (Stary Rynek) em Łomża, Polônia.

Com o início da ofensiva alemã contra a União Soviética, os judeus locais foram forçados a mudarem-se em um único dia, o que resultou em tumulto e pânico nas ruas da cidade. O número de pessoas comprimidas no gueto estava em torno de 10,000 a 18,000, a maioria advinda das vilas de Jedwabne, Stawiski, Piątnica, Łomża, Wizna e Rotki, entre outras.

O gueto foi liquidado um ano e meio depois, em 1 de novembro de 1942, quando todos os seus habitantes foram deportados para Auschwitz.[1] [2]

O mercado de Łomża em 1912.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Qiryat Tiv'on, "Łomża from its beginnings," traduzido do ídiche por Stan Goodman. Publicado originalmente pela ramificação Pinkas haKehilot da Yad Vashem, Israel
  2. "Jewish community before 1989: Łomża – History," 2010, Virtual Shtetl; Museum de História dos Judeus Poloneses (Muzeum Historii Żydów Polskich), Varsóvia

Ligações externas[editar | editar código-fonte]