Gustaf Cederström

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A volta do corpo de Carlos XII à Suécia (1884). O trabalho mais conhecido de Cederström.

Gustaf Olof Cederström (Estocolmo, 12 de abril de 1845 – Estocolmo, 20 de agosto de 1933) foi um pintor sueco, mais conhecido por sua pintura Karl XII:s likfärd (A volta do corpo de Carlos XII).

Vida[editar | editar código-fonte]

Cederström inicialmente teve uma carreira militar como subtenente de uma unidade militar em Värmland, mas depois de ter aulas de pintura com Ferdinand Julius Fagerlin em Düsseldorf e Léon Bonnat em Paris, deixou o Exército para dedicar-se exclusivamente ao seu talento artístico.

Seu quadro A volta do corpo de Carlos XII à Suécia foi muito bem aceito pela crítica presente na Exposição Mundial de Paris de 1878. Na ocasião, o comprador do quadro foi o grão-duque russo Constantino, porém mais tarde, em decorrência de um grande movimento para colher doações, a pintura passou para a posse do Museu Nacional de Belas-Artes da Suécia, onde inicialmente apenas uma cópia do quadro foi exposta.

Cederström participou de um concurso de projetos para o corredor de entrada do Museu Nacional e obteve o primeiro lugar com seu trabalho Ansgarius prega a doutrina cristã, entretanto, o contrato definitivo para o afresco foi realizado com Carl Larsson.

Juntamente com pinturas sobre temas históricos, Cederström produziu também retratos e esboços de soldados.

Desde 1878 ele foi membro da Real Academia de Artes Sueca, e a partir de 1887, professor e diretor de organização (1899) da Academia. Cederström organizou as exposições de arte sueca de 1888, em Copenhague, de 1896, em Berlim e de 1901, em Munique.

Obras selecionadas[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gustaf Cederström