Hakuchi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
白痴
Hakuchi
Portugal Sem título em Portugal. (PT)
Brasil O Idiota (BR)
Hakuchi poster.jpg
 Japão
1951 • p&b • 166 min 
Direção Akira Kurosawa
Roteiro Eijirô Hisaita
Akira Kurosawa
Elenco Setsuko Hara
Masayuki Mori
Toshirō Mifune
Género drama
Idioma japonês
Música Fumio Hayasaka
Página no IMDb (em inglês)

Hakuchi (白痴,, Hakuchi?) (br: O Idiota) é um filme japonês de 1951, do gênero drama, escrito e dirigido por Akira Kurosawa. É baseado no romance de Fyodor Dostoevsky de mesmo nome. Hakuchi foi filmado em preto e branco em uma relação de 1.37:1. Foi o segundo filme de Kurosawa para o estúdio Shochiku, depois do filme anterior Shubun.

Com a intenção original de ser um filme em duas partes de 265 minutos de duração, Hakuchi foi severamente editado pelo estúdio, contra os desejos de Kurosawa, depois de uma única infeliz recepção da projeção da versão completa do filme. A versão do diretor nunca foi lançada, e desse modo o lançamento teatral é uma versão de 166 minutos, omitindo quase 100 minutos. De acordo com o renomado acadêmico de Cinema do Japão Donald Richie, não há cópias existentes da versão original de 265 minutos. Kurosawa voltaria para a Shochiku quarenta anos depois, para filmar Hachi-gatsu no kyôshikyoku e, de acordo com Alex Cox, é dito que ele procurou nos arquivos da Shochiku pelos cortes originais de Hakuchi, sem proveito.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.