Hans Källner

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hans Källner
Nascimento 9 de Outubro de 1898
Kattowitz
Morte 18 de Abril de 1945
próximo de Olomouc, Tchecoslováquia
Nacionalidade alemão
Cargo Comandante da 19ª Divisão Panzer
Serviço militar
Tempo de serviço 1914-1945
Patente Generalleutnant
Unidades 19ª Divisão Panzer
XXIV Corpo Panzer
Batalhas/Guerras Primeira Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
Condecorações Espadas da Cruz de Cavaleiro

Hans Källner (Kattowitz, 9 de Outubro de 1898 - ) foi um general alemão durante a Segunda Guerra Mundial tendo comandado a 19ª Divisão Panzer.[1] [2]

História[editar | editar código-fonte]

Iniciou a sua carreira militar como sendo um oficial cadete em 1914, no Jäger-Regiment 11 sendo condecorado com a Cruz de Ferro e acabou encerrando a Primeira Guerra Mundial (1914-18) com a patente de Leutnant numa unidade de artilharia.[2]

Após o armistício de 1918, ele saiu do Exército e entrou para a polícia de Potsdam em 1920, sendo promovido para Hauptmann em 1929. Se realistou no ano de 1935 com a patente de Rittmeister e entrou para o Reiter-Regiment 4. Em 1937 foi promovido para Major e se tornou Kommandeur do II. Abteilung no Kavallerie-Regiment 4 tendo se tornado Oberstleutnant e Kommandeur do Aufklärungsabteilung 11 no início da Segunda Guerra Mundial.[2]

Com o início da Campanha Francesa se tornou comandante do Schützen-Regiment 73. Em 1941, Källner foi condecorado com a Cruz Germânica em Ouro e após os combates do Inverno de 1941/42 foi promovido para Oberst em 1 de Março de 1942 e em Julho de 1942 assumiu o comando do 19. Panzergrenadier-Brigade (1 de Julho de 1942) da 19ª Divisão Panzer.[2]

Foi condecorado com a Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro no dia 3 de Maio de 1942 e em Agosto de 1943 Källner assumiu o comando da 19ª Divisão Panzer.Após comandar a 19ª Divisão Panzer, Källner foi colocado no comando do XXIV Corpo Panzer.[2]

Hans Källner foi morto em ação no dia 18 de Abril de 1945 aos 46 anos de idade, estando apenas a algumas semanas do final do conflito.[2]

Promoções[editar | editar código-fonte]

Oberst - 1 de Março de 1942 Generalmajor - 1 de Novembro de 1943 Generalleutnant - 1 de Junho de 1944.

Condecorações[editar | editar código-fonte]

  • Cruz de Ferro - 1914
    • 2ª Classe - 3 de Setembro de 1917
    • 1ª Classe - 4 de Agosto de 1918
  • Cruz de Honra
  • Claps da Cruz de Ferro - 1939
    • 2ª Classe - 19 de Setembro de 1939)
    • 1ª Classe - 18 de Outubro de 1939)
  • Badge Panzer em Prata
  • Cruz Germânica em Ouro (18 de Outubro de 1941)
  • Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro - 3 de Maio de 1942
  • Folhas de Carvalho - 12 de Fevereiro de 1944, n° 392
  • Espadas - 23 de Outubro de 1944, n° 106
  • Wehrmachtbericht - 23 de Agosto de 1944 e 22 de Setembro de 1944

Comandos[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Oberst Oskar Sörgel
Comandante da 19ª Divisão Panzer[2]
18 de Agosto de 1943 - 24 de Março de 1944
Sucedido por
Oberst Walter Denkert
Precedido por
Oberst Walter Denkert
Comandante da 19ª Divisão Panzer[2]
1 de Maio de 1944 - 20 de Março de 1945
Sucedido por
Generalmajor Hans-Joachim Deckert
Precedido por
General der Panzertruppen Walther Nehring
Comandante do XXIV Corpo Panzer[2]
19 de Março de 1945 - 18 de Abril de 1945
Sucedido por
General der Artillerie Walter Hartmann

Referências

  1. Hans Källner (em alemão) Lexikon der Wehrmacht. Visitado em 8 de janeiro de 2014.
  2. a b c d e f g h i Lannoy 2001, p. 60

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Lannoy, François de; Josef Charita. Panzertruppen: German armored troops 1935-1945 (em <Língua não reconhecida>). Bayeux: Heimdal, 2001. 280 pp. ISBN 978-2840481515.
  • Berger, Florian, Mit Eichenlaub und Schwertern. Die höchstdekorierten Soldaten des Zweiten Weltkrieges. Selbstverlag Florian Berger, 2006. ISBN 3-9501307-0-5.
  • Fellgiebel, Walther-Peer. Die Träger des Ritterkreuzes des Eisernen Kreuzes 1939-1945. Friedburg, Germany: Podzun-Pallas, 2000. ISBN 3-7909-0284-5.