Harbin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde junho de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Harbin
哈尔滨
—  Cidade  —
Harbin montage.png
Bandeira de Harbin
Bandeira
Selo de Harbin
Selo
Localização de Harbin.
Localização de Harbin.
Harbin está localizado em: China
Harbin
Localização de Harbin na China.
45° 45' N 126° 38' E
País  República Popular da China
População
 - Total 9 873 743
Sítio www.harbin.gov.cn

Harbin (em chinês 哈尔滨; em pinyin Hā'ěrbīn) é uma cidade da República Popular da China, sendo a capital da província de Heilongjiang. Seu nome é originalmente uma palavra Manchu, que significa "lugar para secar redes de pesca". Com uma população de mais de 4,5 milhões de habitantes na área urbana, é a décima cidade mais populosa da China, servindo como um importante centro político, econômico, científico, tecnológico e cultural, destacando-se por abrigar vários importantes institutos de pesquisa e universidades.

Tornou-se importante quando a Rússia obteve uma concessão nesta cidade, entre 1896 e 1924. Tinha até 1949 uma das maiores comunidades de europeus no Extremo Oriente. Harbin é apelidada "Pérola no pescoço do cisne", porque o formato da província de Heilongjiang assemelha-se a um cisne, ou "Moscou Oriental" ou "Paris Oriental", devido à arquitetura da cidade, com fortes influências ocidentais. Harbin é também chamada "Cidade do Gelo", devido ao seu longo e frio inverno.

Instituto de Tecnologia de Harbin.

História[editar | editar código-fonte]

Harbin (vista de satélite)

A presença humana em Harbin data de pelo menos 2200 antes de Cristo (Idade da Pedra tardia). A cidade já foi chamada Pinkiang.

A moderna Harbin originou-se em 1898, a partir de uma pequena vila, com o começo da construção das ferrovias chinesas (KVZhD) pela Rússia, uma extensão da Ferrovia Transiberiana.

Após a derrota russa na Guerra Russo-Japonesa (1904-1905), a influência russa na região diminuiu, e milhares de estrangeiros de 33 países, incluindo Estados Unidos, Alemanha e França, mudaram-se para Harbin. Dezesseis países lá estabeleceram consulados, e vários bancos e companhias industriais e comerciais.

Os chineses também logo estabeleceram negócios na cidade, tais como indústrias têxteis e alimentícias, e Harbin logo se estabeleceu como um grande centro do Nordeste da China e uma metrópole internacional.

Em dezembro de 1918, durante a Guerra Civil Russa, refugiados russos buscaram abrigo na cidade, que então tornou-se um grande centro de emigrantes russos, com a maior comunidade russa no exterior. Os russos estabeleceram escolas no sistema russo e passaram a publicar jornais em russo.

Com a venda da ferrovia (KVDZhD) aos japoneses, Harbin tornou-se parte do Estado Manchukuo, controlado pelos japoneses. Em 1946, Harbin passou ao controle da União Soviética, que ocupou a região. O restante da comunidade de europeus (russos, alemães, poloneses, gregos, etc.) emigrou durante os anos de 1950-1954 para a Austrália, Brasil e os Estados Unidos, ou retornaram aos seus países de origem.

Cultura de inverno[editar | editar código-fonte]

Por ser localizada no nordeste da China, sob influência direta dos ventos frios hibernais da Sibéria, Harbin tem temperaturas notavelmente baixas no inverno (-17ºC em média, com mínimas de até -38ºC). O Festival Internacional de Esculturas no Gelo e Neve de Harbin acontece todos os anos em janeiro, desde 1985, e é um dos quatro maiores eventos do gênero no mundo, juntamente com o de Sapporo no Japão, Quebec no Canadá, e Ski na Noruega. Harbin é também um grande polo de esportes de inverno, tradicionalmente já sediado eventos dos mesmos como os Jogos Asiáticos de Inverno de 1996 e as Universíadas de Inverno de 2009.

Relações internacionais[editar | editar código-fonte]

Cidades-irmãs[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Harbin