Hassan Rowshan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Hassan Rowshan (em língua persa: حسن روشن), (Teerão, 31 de Dezembro de 1956) foi um antigo futebolista iraniano. Na atualidade é treinador e gestor. Rowshan jogava na posição de atacante.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Primeiros tempos[editar | editar código-fonte]

Criado no bairro de Nazi Abad Hassan começou a jogar com treze anos na equipa de juniores do Taj. Como muitos outros iranianos da sua geração, Hassan nasceu no seio de uma família de fãs de futebol.

Sucesso[editar | editar código-fonte]

Rowshan foi tornando-se cada vez mais famoso no seu país. Com o seu clube Taj Tehran conquistou vários campeonatos e troféus. Todavia alcançou o seu auge da sua carreira quando venceu o Copa da Ásia de Futebol e a qualificação para a Copa do Mundo de 1978, realizado na Argentina. Os seus golos foram importantes para a qualificação para a fase final.

Sofreu uma lesão durante os jogos de qualificação, o que deu dores de cabeça ao seleccionador do Irão, contudo foi seleccionado. Quando o Irão jogou com a Holanda, havia dúvidas da sua utilização ou não. Foi ele o único marcador do golo do jogo em que o Irão perdeu com o Peru por 4-1. Depois da Copa do Mundo de 1978 e da revolução que eclodiu no seu país no ano seguinte (1979) decidiu partir e jogar no Al-Ahli, um clube do Dubai, Emirados Árabes Unidos. Juntamente com Hassan Nazari venceu vários campeonatos pelo Al-Ahli.

Legado[editar | editar código-fonte]

Se bem que negligenciado após a revolução de 1979, o fa(c)to é que ele não foi esquecido pelos amantes do futebol no seu país natal, sendo um dos mais populares do Irão da década de 1970 (só ultrapassado por Ali Parvin), muitos não se esquecem dos seus jogos e golos que marcou. Há quem o considere no seu país natal como o "jogador completo".[carece de fontes?]

Treinador[editar | editar código-fonte]

Rowshan é o único treinador asiático certificado pela Federação Inglesa de Futebol. Foi apontado como o seleccionador da equipa de sub-20 do seu país, em 2005, mas resignou mais tarde.

Primeira Escola de Futebol[editar | editar código-fonte]

Quando Hassan regressou ao seu país na década de 1990, formou a primeira escola de futebol no Médio Oriente que foi um enorme sucesso.

Regresso ao Esteghlal[editar | editar código-fonte]

Hassan Rowshan tornou-se o chefe da academia do Esteghlal em 6 de Agosto de 2007.


Bandeira de IrãoSoccer icon Este artigo sobre futebolistas iranianos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.