Hemospermia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Hematospermia ou hemospermia é a presença de sangue no esperma ejaculado. Pode acontecer em homens de diversas faixas etárias, não tendo uma idade média específica para acontecer. Na maioria das vezes a alteração do líquido ejaculado acontece sem apresentar sintomas, ou seja, a ejaculação ocorre normalmente e o indivíduo ou sua parceira(o) percebem que o líquido espermático está com uma cor diferente do normal, que pode variar do rosa claro ao vermelho ou marrom.

Por ocorrer sem maiores sintomas como dor ou ardor na uretra, a hematospermia costuma preocupar profundamente o homem portador, porque essa emissão de sangue é interpretada como sinal de que uma coisa muito ruim está acontecendo em seu organismo. A maior preocupação relatada pelos homens, é o câncer.

Causa[editar | editar código-fonte]

A maior parte das hematospermias acaba sem um diagnóstico claro e objetivo. Porém, alguns fatores podem causar a hematospermia, como a infecção da próstata, uma desordem congênita ou alguma complicação após procedimento cirúrgico.

Ocorrência[editar | editar código-fonte]

A hematospermia está presente em menos de 2% dos relatórios de urologistas, mas o número real de portadores é desconhecido.

Tratamento[editar | editar código-fonte]

Raramente é necessário tratar a hematospermia, que normalmente acaba sumindo com o tempo. Mesmo assim, pacientes com hematospermia devem ser examinados por um urologista para identificar a causa da desordem e seu possível tratamento.

Ver também[editar | editar código-fonte]