Hendrik Anthony Kramers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hendrik Anthony Kramers
Física
Hans Kramers (centro) com George Uhlenbeck e Samuel Goudsmit, ca. 1928
Nascimento 2 de fevereiro de 1894
Local Rotterdam
Morte 24 de abril de 1952 (58 anos)
Local Oegstgeest
Atividade
Campo(s) Física
Tese 1919: Intensities of Spectral Lines
Orientador(es) Paul Ehrenfest
Prêmio(s) Medalha Lorentz (1947), Medalha Hughes (1951)

Hendrik Anthony Kramers (Rotterdam, 2 de fevereiro de 1894Oegstgeest, 24 de abril de 1952) foi um físico neerlandês.

Filho de Hendrik Kramers, médico, e de Jeanne Susanne Breukelman. Em 25 de outubro de 1920 casou com Anna Petersen, com quem teve três filhas e um filho. Kramers ficou conhecido de todos como Hans Kramers.

Em 1912 Kramers terminou sua escola secundária em Roterdã, e estudou matemática e física na Universidade de Leiden, onde obteve seu mestrado em 1916. Kramers queria obter experiência internacional, mas a sua primeira escolha, Max Born em Göttingen, não pode ser realizada por causa da Primeira Guerra Mundial. Como a Dinamarca era neutra nessa guerra, assim como os Países Baixos, ele viajou (de navio, por terra era impossível) para Copenhagen, onde encontrou sem avisar o até então desconhecido Niels Bohr.

Bohr aceitou-o como doutorando e Kramers preparou sua dissertação sob a orientação de Bohr. Apesar de Kramers ter feito a maior parte de sua pesquisa de doutorado (sobre intensidades de transições atômicas) em Copenhagen, ele obteve seu Ph.D. em Leiden em 8 de maio de 1919.

Depois de trabalhar por quase dez anos no grupo de Bohr e de se tornar professor associado na Universidade de Copenhagen, Kramers deixou a Dinamarca em 1926 e retornou ao seu país natal. Ele se tornou professor a tempo integral de física teórica na Universidade de Utrecht, onde orientou Tjalling Koopmans. Em 1934 ele deixou Utrecht e substituiu Paul Ehrenfest em Leiden. De 1931 até a sua morte manteve também contato com a Universidade Técnica de Delft.

Kramers foi um dos fundadores do Centro de Matemática em Amsterdã. Recebeu a Medalha Lorentz em 1947 e a Medalha Hughes em 1951.

Kramers emprestou seu nome à cratera Kramers na Lua, à fórmula Kramers-Heisenberg, à aproximação Wentzel–Kramers–Brillouin, às relações de Kramers–Kronig, à dualidade Kramers-Wannier, ao modelo Kramers para cadeias de polímeros, à super-troca Kramers-Anderson e ao teorema de degenerescência de Kramers.

Participou da 5ª, 6ª, 7ª e 8ª Conferência de Solvay.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Max Dresden, H.A. Kramers - Between Tradition and Revolution, Springer (1987) ISBN 0387962824

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Arnold Sommerfeld
Medalha Lorentz
1947
Sucedido por
Fritz London
Precedido por
Max Born
Medalha Hughes
1951
Sucedido por
Philip Dee


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.