Henrique II de Bourbon-Condé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Henrique II de Bourbon-Condé

Henrique II de Bourbon-Condé (Saint-Jean-d'Angély, 1 de setembro de 1588Paris, 26 de dezembro de 1646), terceiro príncipe de Condé, filho de Henrique I de Bourbon-Condé e de Carlota de La Trémoille.

Depois do assassinato de seu pai, quando ele tinha apenas um ano, sua educação ficou a cargo do primo do falecido, o rei de França Henrique IV.

A morte do rei, em 1610, leva a esposa deste, Maria de Médici a regencia. Durante este periodo o príncipe Henrique forma alianças contra o governo. Para acabar com isso, a Regente, aceita sua entrada no Comselho da Regencia. Mas as esigencias de Condé, tornam-se tão absurdas que em 1 de setembro de 1616, ele finalmente é preso e conduzido à Bastilha, por ordem da Regente. Mais tarde ele foi solto pelo novo rei, Luís XIII de França, e tornou-se um de seus mais fieis acessores.

Casou-se com Carlota de Montmorency - filha de Henrique I de Montomorency. O casamento rendeu três filhos, todos eles protagonistas ativos na Fronda:

Ver também[editar | editar código-fonte]