Hideki Mutoh

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hideki Mutoh
Hideki Mutoh 2010 Indy 500 Pole Day.JPG
Mutoh antes do pole day da Indy 500 em 2010.
Nome completo Hideki Mutoh
Nacionalidade    Japão Japonês
Data de nascimento 6 de Outubro de 1982 (32 anos)
Registros na IndyCar Series
Anos 2007-2011
Times 4 (Panther, Andretti Autosport,
Newman-Haas e Sam Schmidt*)
Voltas mais rápidas 0
Primeira corrida Estados Unidos GP de Chicago, 2007
Última corrida Japão GP de Motegi, 2011
GPs Poles Pódios Vitórias
55 0 2 0
Outros campeonatos
2002
2003-2004
2006
2006
2007
Formula Dream Champion
Fórmula 3 Japonesa
Formula Nippon
Super GT
Indy Pro Series
Títulos
2002 Formula Dream Champion
Prêmios
2008 Rookie do ano (IndyCar Series)
Nota
Mutoh correu o GP de Motegi pela equipe Sam Schmidt, em associação com a AFS Racing.

Hideki Mutoh (武藤 英紀, Mutō Hideki - Tóquio, 6 de outubro de 1982) é um piloto japonês de corridas automobilísticas.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Iniciou a carreira no kart, e em seguida ingressou no programa de formação de jovens pilotos da Honda. Em 1998, vai para a Europa disputar a Fórmula Vauxhall. Correu ainda pela Fórmula Ford, e na divisão Festival, terminou em sétimo lugar em 2000 e em terceiro lugar em 2001.

De volta à Ásia, Mutoh competiu na Fórmula 2000 asiática e na Fórmula Dream, onde terminou como campeão em 2002. Ainda correria pela Fórmula 3 japonesa e pela Super GT.

Indy Pro[editar | editar código-fonte]

Para 2007, a Autobacs Racing Team Aguri (ARTA) anunciaria que Mutoh dusputaria a temporada com um carro preparado pela Panther. Sua primeira vitória aconteceu na primeira corrida da Liberty Challenge, realizada no Indianapolis Motor Speedway, repetindo a dose no GP do Kentucky. Também conquistaria outros cinco pódios, e encerraria a temporada como vice-campeão, perdendo para o inglês Alex Lloyd.

IndyCar[editar | editar código-fonte]

Mutoh durante os treinos da Indy 500 de 2008.
Mutoh durante o segundo dia de treinos em Indianápolis, em 2009.

Seu desempenho na IndyPro foi o bastante para que a Panther contratasse Mutoh para correr a última prova da temporrada de 2007 da IndyCar, última antes da unificação com a Champ Car. Terminou o GP de Chicago em oitavo lugar.

O bom desempenho em Chicago rendeu a Mutoh um contrato para disputar toda a temporada pela Andretti-Green (mais tarde, Andretti Autosport). Nas primeiras corridas, o japonês não teve uma boa prestação, terminando-as nas últimas posições. Em Iowa, conquistou seu primeiro pódio na Indy ao chegar em segundo no GP de Iowa. Desacostumado com a situação, Mutoh teve problemas em abrir o champanhe. Em 2009, e na mesma pista, obteve seu segundo - e último - pódio na categoria ao terminar em terceiro.

Para 2010, ele assinou com a Newman-Haas, e novamente levou o patrocínio da Panasonic. Não terminou nenhuma corrida entre os dez primeiros, tendo uma trinca de décimos-segundos lugares como melhor resultado. O fraco rendimento fez com que Mutoh perdesse a vaga na Newman-Haas para 2011. Neste ano, ele não encontrou nenhuma equipe para disputar a temporada, e retornou para o Super GT.

Mas Mutoh teria uma chance na temporada, ao ser chamado pela equipe Sam Schmidt para disputar o último GP do Japão realizado pela IndyCar, associando-se com a equipe AFS.

Participações na Indy 500[editar | editar código-fonte]

Ano Chassis Motor Largada Chegada Equipe Notas
2008 Dallara Honda Andretti-Green Mais rápido entre os rookies,
Segundo rookie a completar a prova
2009 Dallara Honda 16º 10º Andretti-Green
2010 Dallara Honda 28º N/H Completou 76 voltas
Ícone de esboço Este artigo sobre Automobilismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.