Hino da Bahia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Hino da Bahia, como também é chamado o Hino ao Dois de Julho, faz clara alusão ao 2 de julho de 1823 - data maior do estado, quando após as lutas que perduraram desde o ano de 1821, libertou-se do jugo português. Tem sua letra por Ladislau dos Santos Titara e música de José dos Santos Barreto.[1] Uma elegia à Independência da Bahia, o hino baiano por muito tempo não foi oficialmente o hino do estado, tendo esse papel sido comumente desempenhado pelo Hino ao Senhor do Bonfim. Apenas em 20 de abril de 2010 o governador Jaques Wagner sancionou a lei estadual nº 11.901, publicada no Diário Oficial do Estado de 21 de abril de 2010, que o tornou o hino oficial do estado.[1] [2] [3]

Refere-se a batalhas como as de Cabrito e Pirajá nas quais, com o sangue baiano, foi conquistada a independência do estado e consolidada a independência do país.

Referências

  1. a b AGECOM (25 de julho de 2009). Hino ao 2 de Julho pode se tornar o oficial da Bahia (em português). Página visitada em 18 de setembro de 2009.
  2. A Tarde. Jaques Wagner sanciona lei que torna o Hino ao 2 de Julho oficial da Bahia (em português). Página visitada em 27 de abril de 2010.
  3. Diário Oficial do Estado da Bahia - Virtual (em Português).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikisource
O Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Hino da Bahia
Ícone de esboço Este artigo sobre a Bahia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.