Hino de Araraquara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikisource
O Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Letra do hino de Araraquara

O Hino de Araraquara foi instituído pela prefeitura, através da câmara municipal.

Com letra e melodia da professora Aparecida J. de Godoy Aguiar. Instituído como símbolo de Araraquara pela lei nº 1.866, de 21 de março de 1972.

(Lei n° 8413 de 21 de março de 1972) lei municipal nº 1866 de 21 de março de 1972.

Letra[editar | editar código-fonte]

Araraquara tu nasceste

de uma lenda e uma poesia

cresça tupi que além das serras

surgindo o sol ali morava o dia

tendo por bandeira a lenda

aqui chegou, Pedro José Neto

sonhando ergueu a sua tenda

sob teu céu, o seu primeiro teto

Araraquara ensolarada

o sol é o teu coração

as tuas tardes são douradas

és meu querido torrão

Araraquara terra amada

Aracoara da língua tupi

tu és morada é manhã nascendo

nome acalento que foi dado a ti

Amo, meu berço Natal

onde pizaram bravos bandeirantes

eu canto as maravilhas tuas,

legado eterno desses teus gigantes

Araraquara ensolarada

o sol é o teu coração

as tuas tardes são douradas

és meu querido torrão

Araraquara adorada

tu és morada e filha do sol

explendoroza é tua alvorada

e repousante o teu arrebol

Creio no teu bravo povo

no amanhã e na tua glória

teus jovens seguirão confiantes

novos gigantes desta tua história

Araraquara ensolarada

o sol é o teu coração

as tuas tardes são douradas

és meu querido torrão

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.