Hippophae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaHippophae
Hippophae rhamnoides

Hippophae rhamnoides
Classificação científica
Reino: Plantae
Clado: angiospérmicas
Clado: eudicotiledóneas
Clado: rosídeas
Ordem: Rosales
Família: Elaeagnaceae
Género: Hippophae L., 1753
Espécies
  • Hippophae fasciculata
  • Hippophae goniocarpa
  • Hippophae litangensis
  • Hippophae mexicana
  • Hippophae nepalensis
  • Hippophae rhamnoides
  • Hippophae salicifolia

Outras espécies: v. texto.

Hippophae é um género botânico pertencente à família Elaeagnaceae. Compreende cerca de uma dezena de espécies, das quais a mais conhecida, Hippophae rhamnoides (popularmente chamada espinheiro marítimo, espinheiro-cerval marítimo ou falso-espinheiro 1 , é usada na preparação de cosméticos, xaropes e sucos.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Hippophae rhamnoides

O gênero Hippophae está presente em uma vasta área que vai da Europa à Asia, incluindo o norte da China, Mongólia, Índia, Nepal, Paquistão, Rússia, Itália, Inglaterra, França, Dinamarca, Países Baixos, Polônia, România, Finlândia, Suécia e Noruega. Mais de 90% da área de cultivo, cerca de 1,5 milhões de hectares, encontra-se na China, onde a Hippophae rhamnoides é empregada para prevenir a erosão do solo, além de servir como alimento e para a produção de medicamentos.2 . O arbusto atinge de 0,5 m a 6 m de altura, e raramente chega a 10 m, na Ásia Central, em zonas secas e arenosas. É resistente ao sal do ar e da terra, mas precisa de muito sol sol, não se adaptando a locais sombreados por árvores. Nos países da Europa Ocidental, encontra-se sobretudo nas zonas costeiras, onde o sal proveniente do mar não favorece a presenças de plantas maiores. Na Ásia Central, a H. rhamnoides distribui-se nas zonas de clima árido e semidesértico, onde outras plantas não sobrevivem. Na Europa Central e na Ásia, nas zonas subalpinas de até 1500 m de altitude, é encontrada na linha das árvores ao pé das montanhas e em outros lugares ensolarados.

Benefícios da Hippophae rhamnoides[editar | editar código-fonte]

O espinheiro marítimo é riquíssimo em vitamina C (conteúdo médio de 695 mg por 100 gramas, muito superior a do kiwi e dos cítricos). A polpa do fruto em estado natural é muito ácida (adstringente) e oleosa, pouco agradável ao gusto. O congelamento diminui as propriedades astringentes e assim a polpa pode ser consumida na forma de suco ou na preparação de geleias, doces e licores.

Sistemática[editar | editar código-fonte]

O gênero Hippophae inclui de sete a quinze espécies:3

  • Hippophae caucasica (*)
  • Hippophae fasciculata
  • Hippophae fluviatilis (*)
  • Hippophae goniocarpa
  • Hippophae gyantsensis (*)
  • Hippophae litangensis
  • Hippophae mongolica (*)
  • Hippophae nepalensis
  • Hippophae neurocarpa (*)
  • Hippophae rhamnoides
  • Hippophae salicifolia
  • Hippophae sinensis(*)
  • Hippophae tibetana(*)
  • Hippophae turkestanica(*)
  • Hippophae yunnanensis(*)

Notas.
1) As espécies indicadas com (*) são consideradas como subespécies de H. rhamnoides, por alguns autores.
2) Hippophae canadensis e algumas outras espécies foram reclassificadas, passando a compor o gênero Shepherdia.

Variações com relação à lista do International Plant Names Index (IPNI): Hippophae tibetana para o IPNI é sinônimo de H. rhamnoides. Hippophae mexicana foi excluída.

Referências

  1. Hippophae rhamnoides L. - ESPINHEIRO-MARÍTIMO.
  2. Sea buckthorn, por S. Dharmananda. Institute for Traditional Medicine, Portland, OR.
  3. The International Plant Names Index

Classificação do gênero[editar | editar código-fonte]

Sistema Classificação Referência
Linné Classe Dioecia, ordem Tetrandria Species plantarum (1753)

Outros projetos[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre wikispecies
Portal A Wikipédia possui o portal:
Ícone de esboço Este artigo sobre a ordem Rosales, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.