Hollywood Records

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hollywood Records, Inc.
Parentesco The Walt Disney Company,Disney Music Group
Fundação 1989
Fundador(es) The Walt Disney Company
Distribuidor(es) Disney Music Group
Gênero(s) Pop, Rock, Heavy Metal, Punk Rock, Teen Pop, Pop Rock, Electropop, R&B contemporâneo
País de origem Estados Unidos Estados Unidos
Página oficial Official website of Hollywood Records (hollywoodrecords.com) / Página oficial da Hollywood Records no Brasil

Hollywood Records (acrônimo HR) é uma gravadora musical e editora discográfica norte-americana, fundada em 1989. Ela é parte da Disney Music Group, no início lançava apenas artitas Pop e Rock mais voltados ao público jovem. Atualmente, a Hollywood Records trabalha com outros gêneros musicais, como Heavy Metal, Punk Rock, Teen Pop, Pop Rock, Electropop, R&B contemporâneo. A Hollywood Records Pertence à The Walt Disney Company. É sediada em Burbank, na Califórnia. A distribuição é feita nos Estados Unidos pela Walt Disney Records e mundialmente pela Universal Music Group. O selo Hollywood Records é um dos mais importantes da indústria discográfica americana.

História[editar | editar código-fonte]

A Hollywood Records foi fundada em 1989 pelo então CEO da Disney, Michael Eisner com a idéia de expandir as operações de música da empresa (depois reduzido para o lançamento das trilhas sonoras da Disney, Touchstone, Hollywood Pictures e filmes) e para desenvolver e promover as carreiras de uma grande variedade de artistas em vários gêneros. No entanto, o rótulo esforçou-se para lançar um artista de sucesso, e em 1991 o rótulo tinha perdas financeiras significativas. O sucesso só começou devido a um importante acordo com os distribuidores do catálogo musical da banda Queen, um fato afetado pela morte do vocalista Freddie Mercury. A Etiqueta enfrentou problemas e até mesmo anos após a aquisição da Mammoth Records em 1997 ainda se avistava um sinal da busca pela Disney para uma gravadora que daria sucesso para a empresa. No entanto, os registros da Mammoth foi dissolvido e integrados ao rótulo da Hollywood Records, em 2003, depois de pouco sucesso da Mammoth. Em 1998, a empresa decidiu integrar as operações da Walt Disney Company em Hollywood, com a Lyric Street Records, e Mammoth, e ainda com a Walt Disney Music Publishing, criando a Buena Vista Music Group (agora Disney Music Group) e nomeação de Bob Cavallo como presidente do grupo, e presidente da Hollywood Records. Enfim, em 2003, com o lançamento da carreira musical de Hilary Duff, atualmente uma atriz e escritora, é que a etiqueta seria um sucesso real. O álbum Metamorphosis vendeu mais de 5 milhões de cópias e foi o início de um modelo de negócio bem sucedido para o rótulo, com uma sinergia total com Disney Channel e a Rádio Disney, que traria os seus artistas a ter exposição na mídia forte. Duff foi a melhor artista da gravadora, com 13 milhões de cópias vendidas. Porém, anos depois, Miley Cyrus se tornou a artista que mais vendeu com o selo da Hollywood Records, com mais de 20 milhões de cópias vendidas mundialmente. Artistas como as Cheetah Girls, Demi Lovato, Vanessa Hudgens, Miley Cyrus, Selena Gomez & The Scene, e os Jonas Brothers deram sucessão a este modelo de marketing. Ao mesmo tempo, o rótulo continuava a desenvolver as carreiras de artistas com um perfil menos comercial como Grace Potter & The Nocturnals. A etiqueta também libera trilhas sonoras de filmes Touchstone Pictures. Em 2010, a Hollywood Records a nova gravadora da Disney lança artistas da música country, já que a Walt Disney Records decide incorporar os catálogos musicais da Lyric Street Records com a Hollywood Records. Esta posteriormente herdou sua lista de artistas. Em 2011, a músicas da banda Queen e todos os outros artistas Disney e Hollywood Records foi distribuído pela Universal Music em todo o mundo, fora dos EUA, a Disney Music liberou que a EMI fizesse a distribuição juntamente com a Universal Music. Ao final do mesmo ano a Universal anunciou a compra da EMI, se tornado distribuidora de 60% de seus produtos. Atualmente a Hollywood Records atua não somente na produção musical para o público jovem, mas também tem voltado seu foco para produções de artistas mais maduros e variados em seus estilos, como Foo Fighters, Breaking Benjamin, Grace Potter and The Nocturnals, Evanescence, Soundgarden, Selena Gomez, Demi Lovato entre outros.

Subsidiárias[editar | editar código-fonte]

Hollywood BASIC[editar | editar código-fonte]

A Hollywood BASIC foi uma subsidiária para músicas do estilo hip-hop de curta duração da Hollywood Records, dirigido por Dave Funkenklein, que existiu de 1990 a 1995. A Hollywood BASIC não sobreviveu a transição de distribuição da PolyGram Records, e todas as suas gravações foram excluídos, com exceção das Organized Konfusion, que foram reprimidos sob o novo acordo. Foi a primeira etiqueta para gravar músicas mixadas. A Hollywood BASIC foi incorporada a Hollywood Records.

Hollywood METAL[editar | editar código-fonte]

Hollywood METAL era um rótulo de curta duração dentro da Hollywood Records, que era para ser focado em rock e heavy-metal. Além de aparições promocionais pelos artistas Hollywood Records, não houve lançamentos.

Jonas Records[editar | editar código-fonte]

A Jonas Records é uma subsidiária da Hollywood Records para laçamento músicas do estilo pop criada em 2009 pela banda Jonas Brothers em parceria com a Hollywood Records e pela Walt Disney Records. Nessa ocorreram quatro lançamentos, sendo dois deles dos membros da banda (Nick e Joe Jonas) sendo uma divisão neo-frontal das gravadoras; ou seja seus fundadores continuam sendo artistas da Hollywood, mas podem lançar novos artistas por esta.

Artistas Hollywood Records[editar | editar código-fonte]

  1. Allstar Weekend
  2. Bella Thorne
  3. Breaking Benjamin
  4. Bridgit Mendler
  5. Capra
  6. College 11 (Brasil)
  7. Coco Jones
  8. Cole Plante
  9. CTR
  10. Cherri Bomb
  11. Demi Lovato
  12. Duran Duran
  13. Foo Fighters
  14. Jordin Sparks
  15. Jordan Pruitt
  16. Joss Stone
  17. Lucy Hale
  18. McClain Sisters
  19. Grace Potter and The Nocturnals
  20. Plain White T's
  21. R5
  22. Redlight King
  23. Valora
  24. Zendaya
  25. ZZ Ward

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Algumas pessoas afirmam que a Hollywood Records passou, desde 2008, a pertencer para a Universal Music Group, o que não é verdade. A Universal Music Group apenas faz a distribuição dos álbuns lançados pela Walt Disney Records e Hollywood Records fora dos Estados Unidos. Na verdade, a Hollywood Records pertence ao Disney Music Group desde 1985 e nunca foi vendida a nenhuma outra empresa americana ou internacional. A informação se confirma abaixo. A seguir veja a lista de empresas parentes da Walt Disney Company:

"Família Walt Disney: A Família Disney refere-se a The Walt Disney Company e suas subsidiárias e filiais, que oferecem seus produtos e serviços sob várias marcas. Essas são uma série de empresas, incluindo parques temáticos e empresas de viagens, filmes e publicações editoriais e musicais, televisão, produtos de consumo e serviços interativos. As marcas inclusas na Família Disney são as seguintes: ABC TV, Disney Channel, Disney Junior, Disney XD, Baby Einstein, BabyZone, Club Penguin, ESPN, 'Hollywood Records', Kaboose, Marvel, Os Muppets, Pixar, Playdom, Tapulous, Touchstone Pictures, Walt Disney Records, ABC News, GO.com, Hulu, entre outras marcas.". Estas informações estão disponíveis no site corporativo da The Walt Disney Company. Ou seja, a Hollywood Records pertence ao Disney Music Group.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Site Oficial em Ingles

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências


Gravadoras da Disney Music Group
Walt Disney Records | Hollywood Records | Jonas Records | Rock Mafia | Fearless Records | Lyric Street Records | Big Machine Label Group | Big Machine Records | Valore Music | Republic Nashville Records | Virgin Records | Parlophone Records