Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (HCFMRP/USP) ou simplesmente "Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto" ("HCRP"), é uma autarquia, mantida pelo governo do estado de São Paulo, sendo vinculada à Secretaria de Estado da Saúde (Decreto Estadual n. 26.920, de 18/3/87)associada à Universidade de São Paulo - Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP. Tem por missão desenvolver a assistência, o ensino e a pesquisa científica em estreita colaboração com as demais unidades ensino da Universidade de São Paulo na cidade de Ribeirão Preto, em particular com a Faculdade de Medicina.

Logotipo do HCFMRP/USP. Uso restrito.

Histórico[editar | editar código-fonte]

O HCFMRP/USP iniciou suas atividades em 30 de julho de 1956, tendo por objetivo servir de hospital-escola aos alunos do curso médico da FMRP-USP. Nesse período, o hospital apresentou um expressivo crescimento com a construção e inauguração de novas instalações. Tal crescimento foi acompanhado pelo constante aprimoramento nos serviços médicos e científicos prestados. Em 1968, realizou o primeiro transplante de rim do Brasil, através da equipe chefiada pelo Prof. Dr. Antônio Carlos Pereira Martins. Em 1992, realiza, em suas instalações, transplante de medula óssea, operação sob o comando do Prof. Dr. Júlio Voltarelli. No ano de 1995, o HCFMRP/USP inaugurou sua nova Unidade de Transplante de Medula Óssea, bem como, o Centro de Cirurgia de Epilepsia, este considerado referência internacional na área. Em 2002, a equipe do Prof. Dr. Júlio Voltarelli, realizou o primeiro transplante de células-tronco para o tratamento do Lupus. Neste mesmo ano, uma equipe conjunta dos professores Júlio Voltarelli e Amilton Barreira realizou o primeiro transplante de células tronco do país para o tratamento da esclerose múltipla. Em 2004, Prof. Júlio Voltarelli, Dr. Carlos Eduardo Barra Couri e equipe realizaram o primeiro transplante de células tronco do mundo para o tratamento de diabetes Tipo 1. No ano seguinte, a mesma equipe realizou transplante de células tronco para o tratamento da Esclerose Lateral Amiotrófica, este o primeiro no Brasil.

Ensino e Pesquisa[editar | editar código-fonte]

O HCFMRP/USP é local prático de ensino aos graduandos em Medicina, Ciências Biomédicas, Enfermagem, Fonoaudiologia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional e Informática Biomédica todos da USP. Também desenvolve campo de estágio para estudantes de pós-graduação, em nível de mestrado e doutorado, da FMRP-USP e da EERP-USP, mantendo ainda programas de residência médica, em nível de especialização, credenciados pelo Ministério da Educação. Em 1998, foi criado, dentro de sua estrutura, o Centro de Educação e Aprimoramento Profissional em Saúde (CEAPS), com a finalidade de implantar programas de habilitação, aprimoramento e especialização aos profissionais da área da saúde. A pesquisa científica é um dos grandes diferenciais que conferem ao HCFMRP-USP posição de destaque no setor da saúde. Toda a sua infra-estrutura é colocada à disposição dos docentes e pós-graduandos da FMRP-USP e da EERP-USP para realização de investigações na área médica, projetos de pesquisas clínicas e elaboração de dissertações de mestrado e teses de doutorado.

Administração[editar | editar código-fonte]

A administração executiva do HCFMRP/USP compete a um superintendente nomeado pelo Sr. Governador do estado de São Paulo a partir de uma lista tríplice elaborada e apresentada pelo Conselho Deliberativo. Este Conselho é constituído pelo Diretor da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, que é o seu Presidente, 5 professores da FMRP-USP, de distintos Departamentos das áreas clínicas e um representante dos servidores.A escolha do superintendente é de exclusivo critério político, não meritocrático.O atual superintendente chama-se Marcus Felipe Silva de Sá.

Ver mais[editar | editar código-fonte]

Páginas externas[editar | editar código-fonte]