Hussein Ali Montazeri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Aiatolá Hussein Ali Montazeri (Najafabad, 1922 - Qom, 19 de dezembro de 2009[1] ) (em persa: حسینعلی منتظری) foi um proeminente teólogo islâmico iraniano, defensor da democracia islâmica, escritor e ativista dos direitos humanos. Ele foi um dos líderes da Revolução Iraniana, em 1979. Chegou a ser cogitado como sucessor do líder supremo da revolução, o aiatolá Ruhollah Khomeini, com quem teve discordâncias, em 1989, sobre as políticas do governo, que, segundo Montazeri, violavam a liberdade das pessoas e negava-lhes os seus direitos. Montazeri passou seus últimos anos na cidade sagrada de Qom, e manteve-se politicamente influente no Irã, especialmente para o movimento reformista.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre o Islamismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre o Irã é um esboço relacionado ao Projeto Ásia. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.