I'll Never Heil Again

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
I'll Never Heil Again
Espiadas e espiões (BR)
 Estados Unidos
1941 • pb • 18 min 
Direção Jules White
Roteiro Felix Adler
Clyde Bruckman
Elenco Moe Howard
Larry Fine
Curly Howard
Mary Ainslee
Vernon Dent
Bud Jamison
Lynton Brent
Jack "Tiny" Lipson
Don Barclay
Duncan Renaldo
Cy Schindell
Johnny Kascier
Género Comédia
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

I'll Never Heil Again (br.: Espiadas e espiões) é um filme curta metragem estadunidense de 1941, dirigido por Jules White. É o 56º de um total de 190 filmes da série com os Três Patetas produzida pela Columbia Pictures entre 1934 e 1959.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O rei Herman 6⅞ foi deposto do trono da Moronica pelo ditador fascista Moe Hailstone (Moe Howard, numa paródia de Hitler durante a Segunda Guerra Mundial). Três cidadãos insatisfeitos o procuram e querem que ele recupere o trono. É decidido que a princesa Gilda (Mary Ainslee) seja enviada para realizar um atentado contra Moe.

Enquanto isso, o ditador Moe faz a barba e depois se encontra com o Marechal-de-Campo Herring (Curly) e o Ministro da Propaganda (Larry) para comerem um peru (possivelmente um trocadilho em inglês de turkey (peru) com Turkey (Turquia), ou seja, uma paródia para a tentativa de Hitler controlar a Turquia). Já Larry faz uma referência à Grécia, dizendo "I'll wipe out grease" (algo como "Eu vou ficar com a gordura"), usando um trocadilho de grease (gordura) com Greece (Grécia). Os três lutam pelo peru que acaba sendo arremessado contra um quadro de Napoleão na parede. A gravura do imperador cria vida, apanha o peru e foge correndo.

Gilda chega e se apresenta como astróloga que pode ver o futuro. Ela mostra um telescópio pelo qual se vê os três ditadores sendo assados no Inferno e diz a Moe que seus aliados do "Eixo" pretendem trai-lo. Pouco depois ela troca uma bola de bilhar por outra com explosivos. Os Três Patetas começam a jogar e encaçapam todas as bolas verdadeiras mas não conseguem acertar a explosiva. Herring acaba por guardá-la em seu bolso.

Em seguida, os parceiros do Eixo chegam para uma reunião. São eles Chizzilini (Cy Schindell parodiando Benito Mussolini), o Bey de Rum (Jack "Tiny" Lipson), um delegado japonês (Duncan Renaldo, parodiando Hiroito) e um delegado russo sem nome (Don Barclay). O encontro termina em uma briga generalizada com Moe declarando que o mundo era dele (apanhando um globo representativo do mundo e jogando para os outros Patetas numa simulação de futebol americano). Os membros do Eixo são desmaiados e Moe fica com o globo. Mas os outros dois também querem o objeto e na briga o globo acaba se esfarelando. Com raiva, Herring joga a bola de bilhar no chão e tudo explode. O rei Herman recupera o trono e a cabeça dos Três Patetas são exibidas na parede como troféus, ao lado das de animais empalhados.

Notas[editar | editar código-fonte]

  • I'll Never Heil Again é a sequência de You Nazty Spy!, outro curta da série, com Moe repetindo uma paródia de Hitler, Curly a de Hermann Göring (com um casaco com muitas medalhas, exibidas tanto na frente quanto nas costas) e Larry Fine como o Ministro da Propaganda Pebble (paródia combinada de Joseph Goebbels e do Ministro do Exterior nazista Joachim von Ribbentrop).
  • Nesse filme ocorre uma das poucas vezes em que os Patetas quebraram a "quarta parede". Numa cena em que Moe Hailstone falava com sotaque alemão e Larry respondia com um sulista americano, Curly se vira para a câmera e diz "...they're NUTS!" (algo como "...esses caras são loucos!").
  • Moe interrompeu uma filmagem para ir a festa de aniversário da filha e saiu sem trocar de roupa. Foram relatadas algumas chamadas à Policia de Los Angeles (LAPD) que denunciavam Hitler atravessando um farol vermelho em Hollywood.[1]
  • Uma versão colorizada do filme foi lançada em DVD de 2007, na coleção "Hapless Half-Wits".
  • O título do curta parodia a canção "I'll Never Smile Again", de autoria de Ruth Lowe em 1940.[1]

Referências históricas[editar | editar código-fonte]

Nas cenas com os aliados do "Eixo" estavam representados os paises que apoiavam Hitler ou sofriam pressão para fazê-lo durante a época das filmagens:

O personagem "Bey of Rum" faz referência ao Sultanato de Rum que dominou a Ásia Menor durante a Idade Média. Ele representava a Turquia, que nunca fora membro do Eixo e mantivera uma neutralidade cautelosa durante a Segunda Guerra Mundial mas que durante a Primeira Guerra Mundial fazia parte do "Impérios Centrais" que apoiava o Império Alemão.
Aparece um delegado russo no filme. A União Soviética nunca assinou o Pacto de Aço (o documento original do "Eixo") mas manteve relações com a Alemanha Nazista e apoiou a Invasão da Polônia em 1939 além de firmar acordos de assistência econômica e cooperação militar. Contudo, com a deflagração da Operação Barbarossa duas semanas depois do lançamento de I'll Never Heil Again, a Alemanha declarou guerra a União Soviética.
O personagem do Rei Herman 6⅞ é uma caricatura do Kaiser Wilhelm II. "I'll Never Heil Again" foi lançado 5 semanas e 2 dias depois que o rei morreu no exílio.

Referências

  1. a b Solomon, Jon. (2002) The Complete Three Stooges: The Official Filmography and Three Stooges Companion, p. 193; Comedy III Productions, Inc., ISBN 0971186804

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]