IEEE 802.11ac

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde novembro de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

IEEE 802.11ac ou Padrão 802.11ac é a nova geração da tecnologia de transmissão em redes locais sem fio (WI-FI WLAN) pertencentes a família 802.11 (desenvolvida pela organização IEEE standards association) de alto desempenho, na frequência de 5GHz.

Este padrão foi desenvolvido entre 2011 e 2013, com previsão de lançamento somente para o início de 2014. Trabalhará com multiestações de transferência sem-fio de na escala de Gbit/s em link único de transferência, graças ao conceito de extensão de interface, já implementado no modelo 802.11n.

Novos Recursos[editar | editar código-fonte]

Suporta multiestações de transferência sem-fio acima de 1 Gbit/seg em um link único de transferência de 500 Mbit/seg,com uso do conceito de Extensão de Interface, que une: largura de banda + larga RF (até 160 MHz) + fluxos espaciais MIMO (até 8) + multiusuários MIMO + modulação de alta densidade (até 256-QAM).

  • Canal de ligação prolongada
  • Largura de banda obrigatória no canal de 80 MHz para as estações (vs. 40 MHz máximo em 802.11n), 160 MHz disponível opcionalmente.
  • Suporte para até 8 fluxos espaciais (contra 4 em 802.11n).
  • Multi-usuários MIMO (MU-MIMO).
  • Várias estações cada um com várias antenas, transmitindo e/ou recebendo fluxos de dados independentes e simultâneos.
  • Acesso Múltiplo Dividido no Espaço (SDMA): não corre separados por freqüência, as vezes resolvida espacialmente, análogo ao estilo MIMO 11n.
  • Downlink MU-MIMO: um dispositivo transmite vários dispositivos recebem, incluído como um modo opcional.
  • Beamforming com som padronizado e feedback para a compatibilidade entre fornecedores (que não atua nos padrões 802.11n tornando difícil o trabalho eficaz entre produtos de diferentes fornecedores).
  • Modificações do MAC (principalmente para apoiar alterações posteriores).
  • Mecanismos de coexistência para os canais de 20/40/80/160 MHz e dispositivos 11ac e 11a / n.
  • Modulação de 256-QAM, taxa de 3/4 e 5/6, adicionado como modos opcionais (vs. 64-QAM, taxa de 5/6 máximo em 802.11n).

Foi levantada uma controvérsia sobre de que esta taxa de modulação não é adequada para qualquer arquitetura diferentes das células consideradas extremamente pequenas e que seria completamente inútil para a tecnologia 3GPP em uso.

Recursos obrigatórios[editar | editar código-fonte]

  • 800 ns intervalo de guarda regulares;
  • Codificação convolucional binário (BCC);
  • Fluxo espacial Único;
  • Recursos opcionais (transitado de 802.11n);
  • 2 para 4 fluxos espaciais;
  • Baixa densidade de código de verificação de paridade (LDPC);
  • Espaço-Tempo Bloquear Coding (STBC);
  • Transmissão Beamforming (TxBF);
  • 400 ns curto intervalo de guarda (SGI).

Recursos Opcionais[editar | editar código-fonte]

  • 5 para 8 fluxos espaciais;
  • Largura de canal 160MHz (contínua 80 + 80);
  • 80 +80 MHz de canal de ligação (descontínua 80 +80);
  • MCS 8/9 (256-QAM).

Cenários e Configurações[editar | editar código-fonte]

Cenários[editar | editar código-fonte]

As melhorias do vínculo único e das multi-estações colocadas no 802.11ac permite vários novos cenários de utilização sem fios, tais como a transmissão simultânea de vídeos em HD para vários clientes em toda a casa, a sincronização rápida de backup de grandes arquivos e a exibição sem fio de transmissão sob demanda (streaming) em grandes áreas, como por exemplo em auditórios.

Produtos[editar | editar código-fonte]

Roteadores[editar | editar código-fonte]

  • Em 27 de abril de 2012, a Netgear anunciou seu primeiro roteador Wi-Fi habilitado em parceria com a broadcom.
  • Apple Inc. começou a vender seu roteador Airport Extreme em conformidade com a versão 802.11ac.
  • Motorola Solutions também já está vendendo seu AP 8232 em conformidade com a versão 802.11ac.

Notebooks[editar | editar código-fonte]

  • Em 7 de junho de 2012 a Asus apresentou seu mais novo notebook dedicado aos gamers, o ROG G75VX, que já vem de fábrica com a nova especificação de rede 802.11ac.
  • Apple anunciou em junho de 2013 que o seu mais novo MacBook Air e posteriormente em outubro de 2013 o Macbook Pro, já poderia ser adquirido com a nova versão de redes 802.11ac.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]