iOS 6

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde março de 2014). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.


iOS 6
IOS-6-Screenshot.jpg
Tela inicial do iOS 6
Produção Apple Inc.
Família do SO iOS
Estado Sucedido
Lançamento 19 de Setembro de 2012
Versão estável 6.1.6

21 de Fevereiro de 2014

Mercado-alvo Sistemas operacionais móveis
Arquitetura(s) ARM
Núcleo Híbrido (Darwin)
Interface Cocoa Touch (Multi-touch, GUI)
Licença Proprietário EULA exceto para componentes open source
Cronologia
Último
Último
iOS 5
iOS 7
Próximo
Próximo

iOS 6 foi a sexta versão do sistema operacional móvel criado pela Apple, o iOS, sucedendo o iOS 5, anunciado pela empresa na Apple Worldwide Developers Conference (WWDC) em 11 de junho de 2012 e lançado em 19 de setembro de 2012.[1] [2]

História[editar | editar código-fonte]

iOS 6 foi anunciado em 11 junho de 2012, durante a WWDC 2012, com lançamento marcado para o final do mesmo ano. Seguindo o padrão de versões anteriores, dispositivos mais antigos não são suportados, especificamente o iPod touch de 3ª geração e o iPad de primeira geração. Dispositivos suportados nesta versão incluem o iPhone 3GS ou posterior, iPod touch de 4ª geração ou posterior, iPad 2 ou posterior e iPad Mini.[1] [2]

No dia 12 de setembro de 2012, a Apple anunciou o lançamento da próxima geração do iPhone, chamado iPhone 5, o iPod touch de 5ª geração,[3] e o iOS 6, que seria lançado publicamente no dia 19 de setembro de 2012 para os dispositivos suportados. Neste mesmo dia, a empresa liberou a versão final do iOS 6 para desenvolvedores.[1]

Novidades[editar | editar código-fonte]

Os aplicativos Google Maps e YouTube foram removidos como padrão no iOS 6.

O aplicativo Mapas possui navegação detalhada, Flyover (visualizações em 3D de algumas cidades) e trânsito em tempo real. A navegação detalhada está disponível apenas para iPhone 4S ou posterior e iPad 2 ou posterior, enquanto o Flyover está disponível apenas para iPhone 4S ou posterior, iPod touch de 5ª geração, iPad 2 ou posterior e iPad mini.[4] [5] [6]

O Passbook, lançado com o iOS 6 para iPhone e iPod Touch, traz o armazenamento de documentos, tais como cartões de embarque, bilhetes de entrada, cupons e cartões de fidelidade. Um dispositivo com Passbook pode digitalizar estes documentos para processar um pagamento móvel em locais participantes.[6] [7]

Assistente pessoal inteligente, Siri, foi melhorada para incluir a possibilidade de fazer reservas em restaurantes, lançar aplicativos, postar atualizações de status no Facebook ou Twitter, informar críticas de filmes e estatísticas esportivas. Siri, que anteriormente era suportada apenas no iPhone 4S, agora tem suporte também para iPhone 5, iPod touch de 5ª geração, iPad de terceira e quarta geração e iPad Mini.[6] [8]

Novas configurações de privacidade estão disponíveis para o usuário, incluindo serviços de localização, fotos ( já parcialmente existente no iOS 5), contatos, calendários, lembretes, compartilhamento Bluetooth, Twitter e Facebook.[6]

Problemas[editar | editar código-fonte]

No iOS 6, a Apple substituiu o aplicativo anterior baseado em mapas do Google com os seus próprios mapas, e deparou-se com uma má recepção, com crítica de usuários perante a dados inexatos ou incompletos, imagens de satélite de baixa qualidade e a inexistência de suporte para os mapas de trânsito.[9] O CEO da Apple, Tim Cook, mais tarde publicou uma carta no site da Apple pedindo desculpas para a "frustração causada pela aplicação Mapas".[10]

Suporte[editar | editar código-fonte]

O iOS 6 é suportado nos seguintes dispositivos:[11]

Referências


Apple logo black.svg Portal Apple Inc.