I Am Me (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
I Am Me
Álbum de estúdio de Ashlee Simpson
Lançamento 18 de Outubro de 2005
Gravação Maio a Julho de 2005
Gênero(s) power pop, pop rock, alternative rock, piano rock
Duração 39:50
Gravadora(s) Geffen
Produção John Shanks
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Ashlee Simpson
Último
Último
Autobiography
(2004)
Bittersweet World
(2008)
Próximo
Próximo


I Am Me é o segundo álbum da cantora de pop rock norte-americana Ashlee Simpson. Lançado em 18 de Outubro de 2005 nos EUA. O primeiro single de divulgação do álbum foi "Boyfriend" e o segundo "L.O.V.E.". O terceiro single, que seria "Catch Me When I Fall" foi cancelado após a divulgação de re-lançamento do álbum e o single foi substituído por "Invisible". A cantora trabalhou com John Shanks e Kara DioGuardi: John Shanks produziu as canções, enquanto Ashlee Simpson e Kara DioGuardi escreveram as letras. Em 15 de Dezembro de 2005, o álbum recebeu o certificado de platina por produção de 1 milhão de cópias nos Estados Unidos, apesar de que em Abril de 2006 o álbum tenha vendido apenas 884 mil. Houve planos para relançar o álbum com o single "Invisible", mas isso foi cancelado, apesar do single ter sido lançado.

Sobre o álbum[editar | editar código-fonte]

Assim como seu antecessor Autobiography, I Am Me é uma mistura de música pop com rock, chegando até a ter influências de música eletronica e indie pop. Misturado entre canções divertidas ("L.O.V.E.", "Dancing Alone"), uma lenta ("Catch Me When I Fall"), sexys ("Boyfriend", "Burnin Up"), e um roquinho lento ("In Another Life"), o álbum é um prato cheio para qualquer ocasião. De acordo com a própria cantora, o álbum mostra seu "amadurecimento musical" assim como o "acompanhamento com as tendências do momento".

Divulgação[editar | editar código-fonte]

Para promover o álbum, Ashlee começa a divulgar em 21 de Setembro de 2005, na cidade de Portland, com outro estágio de turnê iniciando em 9 de Novembro, na mesma cidade. Durante o ano de 2006, a cantora fez várias performances, mas a turnê realmente começou em 5 de Junho. Durante o show, a cantora faz algumas trocas de roupas e faz um cover de da canção "Sweet Dreams (Are Made of This)", da banda Eurythmics.

Relançamento[editar | editar código-fonte]

Em meados de Abril/Maio, a gravadora divulga que o álbum I Am Me será re-lançado, e como single de divulgação foi escolhida a canção Invisible, que nunca chegou a ser lançada como single do álbum. Não se sabe ao certo por qual motivo o re-lançamento foi cancelado, supõe-se que a gravadora previu um possível fracasso desta versão especial. "Invisible" foi lançada como single da cantora, mas nunca esteve em álbum algum. Só mais tarde o single foi colocado de faixa bônus no próximo CD da cantora, o Bittersweet World, para os países Austrália, Inglaterra, Japão e Brasil

Faixas[editar | editar código-fonte]

Versão para Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

  1. "Boyfriend" – 3:00 Gêneros musicais: Pop rock, teen pop
  2. "In Another Life" – 3:48 / Gêneros musicais: Pop rock
  3. "Beautifully Broken" – 3:16 / Gêneros musicais: Pop rock
  4. "L.O.V.E." – 2:34 / Gêneros musicais: Pop rock, pop
  5. "Coming Back For More" – 3:30 / Gêneros musicais: Pop rock
  6. "Dancing Alone" – 3:55 / Gêneros musicais: Pop rock, teen pop
  7. "Burnin Up" – 3:57 / Gêneros musicais: Pop rock, pop
  8. "Catch Me When I Fall" – 4:02 / Gêneros musicais: Pop rock, alternative rock
  9. "I Am Me" – 3:18 / Gêneros musicais: Pop rock
  10. "Eyes Wide Open" – 4:10 / Gêneros musicais: Pop rock
  11. "Say Goodbye" – 4:15/ Gêneros musicais: Pop rock
Bonus América Latina
Bonus Reino Unido/Austrália
Bonus Japão
Bonus Versão Especial

Paradas musicais[editar | editar código-fonte]

I Am Me estreou em #1 no chart americano (Billboard 200), vendendo 220 mil cópias na primeira semana. Na semana seguinte, o álbum vendeu 73 mil cópias, caindo 67% nas vendas com relação a semana anterior, e se qualificando em #6 no chart da semana. E em sua terceira semana, sua marca no top 10, na posição #10, com 54 mil cópias vendidas.

No Reino Unido, por falta de divulgação, o álbum estreou em #160 no chart do país, vendendo 1.392 mil cópias. Porém, no fim de Janeiro de 2006, a cantora começou a promoção do single "Boyfriend", meses após o lançamento do single nos Estados Unidos. O single foi lançado no Reino Unido em 30 de Janeiro de 2006, e atingiu o pico #12 em sua primeira semana de lançamento. Na metade de fevereiro, o álbum saltou e atingiu seu pico, que foi #50

Na Austrália, I Am Me estreou em #35 sem a divulgação de um single. "Boyfriend" foi lançado uma semana após o lançamento do álbum, mesmo assim não fez muito sucesso. O album só foi despontar mesmo, depois da apresentação de Ashlee no "VMA Australia" que ajudou na divulgação do album e fez ele subir mais posições.

Mundialmente, "I Am Me" vendeu mais de 3,5 milhões de cópias.

No Brasil, o álbum não foi lançado oficialmente. Mas o mesmo ainda pode ser encontrado em lugares com vendas importadas.

Parada musical (2005) Melhor posição
Estados Unidos 1
Austrália 35
Inglaterra 50
Canada 4
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Ashlee Simpson é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.