Id Tech 5

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
id Tech 5
Captura de tela
Captura de tela do jogo Rage.
Desenvolvedor id Software
Sistema operativo Microsoft Windows, PlayStation 3, Xbox 360 [1]
Gênero(s) Motor de jogo
Página oficial id Software (em <código de língua não-reconhecido>).

id Tech 5 é o mais novo motor de jogo criado pela id Software. É o mais atual da linha, seguindo os seus predecessores, id Tech 1, 2, 3 e 4. O motor foi primeiramente apresentado ao público em 2007 na QuakeCon por John Carmack (chefe exeutivo da id Software) num computador Apple Macintosh de oito núcleos, porém a demo usou apenas um núcleo com implementação OpenGL com a ajuda de uma placa de vídeo Quadro 7000 de 512 MB de memória. [2]

Durante uma entrevista com John Carmack indicou um eventual lançamento do novo engine em open-source. Isso provavelmente ocorrerá alguns anos depois do lançamento do id Tech 5 em alguns jogos comerciais. [2]

O motor é multiplataforma o que torna possível renderizar os mesmos modelos em diferentes plataformas sem a necessidade de ser reescrito um novo código para cada sistema. O que reduz a complexidade de tornar o jogo disponível em diversos plataformas. [2] [1]

Recursos[editar | editar código-fonte]

A demonstração inicial do motor apresentado possuía 20 GB de dados e de textura (usando uma abordagem mais avançada MegaTexture chamada Virtual Texturing, que suporta texturas com resoluções de até 128000x128000 pixels) e um mundo completamente dinâmico. [3] Esta técnica permite que o motor envie automaticamente o fluxo de texturas para a memória conforme necessário, o que significa que o desenvolvedor não precisa se preocupar com restrições ou limites de memória de textura. [3] [4]

Uma das características visualmente evidente que o processador irá incluir é uma penumbra na sombra (bordas suaves), usando mapas de sombra (shadow maps). [5] Em contraste, a id Tech 4, que apresentou uma técnica diferente de sombreamento, tiveram sombras muito bem definidas. O motor também terá numerosos outros efeitos gráficos avançados, tais como materiais diversos para iluminação, renderização high dynamic range, profundidade de campo (depth of field) e motion blur. [6] O motor também possui suporte a processamento de tarefas simultâneas da CPU, incluindo a lógica do jogo, Inteligência artificial, física e aúdio. [2] [3] [4]

Jogos que usam id Tech 5[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Inside Gaming Daily (5 de agosto de 2012). id Tech 5 Engine Used to Power Classic Doom Games on PlayStation 3 (em inglês). Visitado em 18 de dezembro de 2012.
  2. a b c d Giant Bomb. id Tech 5 (em inglês). Visitado em 18 de dezembro de 2012.
  3. a b c ucdavis; J.M.P. van Waveren (2009). id Tech 5 Challenges (PDF). Visitado em 18 de dezembro de 2012.
  4. a b Hot Hardware (16 de agosto de 2011). Rage: The Tech Behind Id Tech 5 (em inglês). Visitado em 18 de dezembro de 2012.
  5. Hot Hardware (16 de agosto de 2011). Rage (em inglês). Visitado em 18 de dezembro de 2012.
  6. EuroGamer.net (20 de outubro de 2012). Face-Off: Doom 3: BFG Edition (em inglês). Visitado em 18 de dezembro de 2012.
  7. Robert Purchese (13-3-2012). Resi creator Shinji Mikami sheds light on Bethesda/ZeniMax game Eurogamer. Visitado em 22-4-2013.
  8. Geek.com (6 de agosto de 2012). Doom and Doom 2 use Rage id Tech 5 engine on PS3 (em inglês). Visitado em 18 de dezembro de 2012.