Ida, Condessa de Bolonha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ida da Lorena (c. 1160 - 21 de abril de 1216) foi condessa de Bolonha de 1173 até sua morte. Era a filha primogênita de Maria de Bolonha e de Mateus da Alsácia. Sua irmã mais nova era Matilde, casada com Henrique I de Brabante.

Biografia[editar | editar código-fonte]

A mãe de Ida fora inicialmente destinada para ser freira, mas teve que abandonar a vida religiosa para se casar. Consequentemente, o casamento com Mateus foi bastante controverso e, em 1170, a união foi dissolvida. Mateus, no entanto, continuou dirigindo o condado até sua morte, três anos depois.

Aconselhada por seu primo, Filipe de Flandres, casou-se, em 1181, com Geraldo III de Gueldres, mas este logo veio a falecer. Seu casamento posterior com Bertoldo IV de Zähringen, também não durou muito. Então ela se envolveu com Arnaldo de Guines. Todavia, em 1190, ela foi raptada por Reinaldo de Dammartin, que a levou para a Lorena. Esta era uma situação bastante recorrente com herdeiras durante a Idade Média. Arnaldo tentou resgatá-la, mas acabou preso pelos aliados de Reinaldo em Verdun.

Independente de seu casamento com Reinaldo ter sido ou não feliz, Ida permaneceu com ele até o fim de sua vida, e até lhe deu uma filha: a futura Matilde II de Bolonha.

Ascendência[editar | editar código-fonte]

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Teodorico II da Lorena
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Teodorico I de Flandres
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Gertrudes de Flandres
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Mateus de Flandres
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Fulque V de Anjou
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Sibila de Anjou
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Ermengarda do Maine
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Ida de Bolonha
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Estêvão II de Blois
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Estêvão de Inglaterra
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Adela da Normandia
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Maria de Bolonha
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Eustácio III de Bolonha
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Matilde II de Bolonha
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Maria da Escócia
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Precedida por:
Mateus
Condessa de Bolonha
25 de dezembro de 1173 - 21 de abril de 1216
Sucedida por:
Matilde II