If These Walls Could Talk 2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde maio de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
If These Walls Could Talk 2
 Estados Unidos
2000
Direção Jane Anderson
Martha Coolidge
Anne Heche
Produção Mary Kane
Produção executiva Ellen DeGeneres
Jennifer Todd
Suzanne Todd
Roteiro Sylvia Sichel
Género Drama
Idioma Inglês
Música Basil Poledouris
Distribuição HBO
Cronologia
Último
Último
If These Walls Could Talk
(1996)
Próximo
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

If These Walls Could Talk 2 (no Brasil: Desejo Proibido; em Portugal: Amor no Feminino) é um filme americano de 2000. Mostra a vida de três diferentes gerações de lésbicas. Em 1961, Vanessa Redgrave atua como a viúva de sua parceira de 50 anos. É uma história de partir o coração em que Redgrave, sem saída, assiste enquanto um parente distante de sua parceira vem e toma posse de todos os seus bens. Em 1972, a estudante de faculdade, Linda (Michelle Williams) conhece Amy (Chloë Sevigny) num bar lésbico. Apesar de seus amigos desaprovarem as roupas de Amy, Linda não consegue se afastar dessa mulher vestida de homem. Ellen DeGeneres e Sharon Stone estrelam em 2000, como um casal de lésbicas que quer nada mais do que ter um bebê.

Elenco[editar | editar código-fonte]

1961[editar | editar código-fonte]

1972[editar | editar código-fonte]

2000[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.