Igreja Anglicana do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde setembro de 2013).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.


Igreja Anglicana do Brasil
Abadia de Westminster
Orientação Episcopal Protestante
Sede Ribeirão Preto – SP - Brasil

A Igreja Anglicana do Brasil teve origem, a princípio como um ponto missionário, em 01º de março de 2002, na cidade de Serrana, Estado de São Paulo, Brasil, e fundada oficialmente no dia 27 de março de 2005, Domingo de Páscoa, na cidade de Ribeirão Preto, também no Estado de São Paulo, onde está a sua Sé Primacial.

O seu dirigente máximo é o Arcebispo Primaz, função esta exercida desde a sua fundação pelo Bispo Dom Ricardo Lorite de Lima, eleito pelo então Arcebispo da Província da América Latina da The Anglican Independent Communion - Worldwide, Dom Leonardo Marin-Saavedra, eleição esta ratificada pela Sé Mundial da Inglaterra, pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Norman Sidney Dutton (carta de presença) na realidade este bispo nunca esteve no brasil e Chanceler Metropolitano, Bispo Dom Barry Frank Peachey e sagrado em 2006 na cidade de Taboão da Serra por dois Bispos anglicanos da vertente continuante, provenientes da Inglaterra: Dom Barry Frank Peachey e Dom Norman Sidney Dutton, assistido pelo Arcebispo Metropolitano Igreja Episcopal Latina do Brasil, Dom Lucas Macieira da Silva, segundo o Ordinal Anglicano[1] .

A Igreja Anglicana do Brasil é fruto do trabalho missionário da original The Anglican Independent Communion - Worldwide, através dos bispos acima mencionados.

Identidade[editar | editar código-fonte]

A Jurisdição não faz parte da Comunhão Anglicana de Cantuária, assim, não tem vínculos oficiais com o Arcebispo de Cantuária, Inglaterra, porém o reconhece e o considera símbolo de unidade entre todos os verdadeiros anglicanos, em comunhão plena ou não com a Comunhão Anglicana, sendo que tem para o mesmo o maior respeito e apreço, pois acredita que Cantuária é seu foco histórico e simbólico.

A Igreja Anglicana do Brasil indica que não se considera uma igreja nova, pois tem origem no anglicanismo histórico, conforme a jurisdição a que pertence / Comunhão Anglicana Livre. Assim, apresenta propostas de manter o "ethos" (essência) da Igreja de Inglaterra, católica e reformada, com as suas doutrinas fundamentadas nas seguintes fontes:

(1) na Bíblia Sagrada, que é aceita como a palavra inspirada de Deus, interpretada à luz da Tradição, da Razão e da Experiência; e

(2) nos Credos Apostólico e Niceno-Constantinopolitano, que foram escritos no tempo da Igreja indivisa e constituem a confissão normativa da Fé católica ainda hoje.

A prática da Fé e a ordem litúrgica estão expressas no Livro de Oração Comum, nos Ordinais dos séculos XVI e XVII, nos Trinta e Nove Artigos de Religião da Igreja da Inglaterra (que é o sumário da fé anglicana) e mais resumidamente no Quadrilátero de Lambeth-Chicago de 1886-1888, como um documento resumo dos pontos de unidade fundamentais do Anglicanismo histórico.

Na Carta de Ribeirão Preto está uma abordagem contemporânea sobre a visão da IAB quanto a sua doutrina.

Atualidade[editar | editar código-fonte]

A Igreja Anglicana do Brasil é uma Província Autônoma da Comunhão Anglicana Livre no Brasil, uma comunhão mundial de Províncias Anglicanas Livres, que estão em plena comunhão com o Arcebispo Primus / Dr.Edwin Duane Follick, que atua como "primus inter pares". Esta comunhão de igrejas anglicanas livres foi fundada em 02 de novembro de 1897, na Inglaterra, pelos Bispos: / Leon Checkemian, James Martin e Andrew A. MacLaglen.

É reconhecida pela Inclusive Church, que é um movimento dentro da Igreja da Inglaterra que luta por uma igreja mais aberta, acolhedora, pela ordenação feminina, por maior representatividade de etnias minoritárias e a aceitação plena de clérigos e do movimento LGBT. Se mobiliza para discutir a inclusividade em todos os níveis na Igreja da Inglaterra, inclusive em seus Sínodos Gerais. Tem sua sede na cidade de Londres.

Reconhece como jurisdição plenamente anglicana no Brasil, além de si, somente a Igreja Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB), a qual considera ser a sua Igreja mãe, apesar de não ter qualquer vínculo oficial com tal jurisdição.

Notícias[editar | editar código-fonte]

Reportagem na TV: Enlace de Juliana e Diogo vinculado no Programa Neusa Biguetti em 16/10/2011

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. http://sites.google.com/site/rilolima/historia