Igreja de Boyana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pix.gif Igreja Boyana *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Boyana Church.jpg
Vista da Igreja
País Bulgária
Critérios (ii) (iii)
Referência 49
Coordenadas 42° 38′ N 23° 15′ E
Histórico de inscrição
Inscrição 1979  (3ª sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

A Igreja de Boyana é uma Igreja Ortodoxa Búlgara medieval situada a sul de Sófia, capital da Bulgária, no bairro de Boyana, ao pé do maciço de Vitosha.

O edifício, de dois pisos, está formado por três alas. A ala leste foi construída aos finais do século X ou princípios do XI. No século XIII, durante o Segundo Império Búlgaro, se acrescentado a ala central. A igreja se completou com a ala oeste a meados do século XIX. A igreja é célebre por seus afrescos, realizados em 1259 sobre outros mais antigos.

Representam um dos exemplos mais completos e melhor conservados da arte medieval da Europa Oriental. No total, são oitenta e nove cenas com duzentos e quarenta figuras humanas. O autor é desconhecido, mas provavelmente pertencia a escola de Tarnovo.

Dezoito cenas do nártex, que ilustram a vida de São Nicolau, contém detalhes da sociedade da época: Em O milagre no mar, o barco e os chapéus dos marinheiros recordam para a frota veneziana. Os retratos do sebastocrator Kaloyan, construtor da ala central, e sua esposa Desislava, assim como os do czar Constantino I e a czarina Irina, considerados entre os más impressionantes e logrados da igreja, se encontram no muro norte.

A inscrição dos patronos do templo, em búlgaro médio, data de 1259 e consta do seguinte texto:[1]

+взъдвиже сѧ ѿ земѧ и създа сѧ прѣчисты хра

мъ ст҃аго иерарха х҃ва николы ст҃аго и великѡ

славнагѡ мѫченика хв҃а пантелеимѡна тече

ниемъ и трѹдомъ и любовиаѧ многоаѫ калѡ

ѣнѣ севастократора братѹчѧди цр҃ва внѹкъ ст҃а

стефана кралѣ србьскаго написа же сѧ при цр҃

вство блгарское при благовѣрнем и бг҃очь

стивѣмъ и хр҃столюбивѣмъ цр҃и костан

динѣ асѣна едикто з҃ в лѣто

.ѕ҃.ѱ.ѯ҃з҃

Este templo imaculado do hierarca de Cristo Nicolau e do mártir santo em Cristo e muito glorioso Pantaleão foi levantado do chão e criado com fundos, cuidados e grande amor de Kaloyan, sebastokrator, primo do czar, neto de são Estêvão Nêmania, Rei da Sérvia. Isto foi escrito no Império Búlgaro sob o piedoso e devoto Czar Constantino Asen. Indicção 7 do ano 6767 [1259].

Além da primeira capa de afrescos, dos séculos XI e XII, do que se conservam poucos fragmentos, e da segunda, a mais famosa, de 1259, a igreja tem uns poucos afrescos mais recentes, dos séculos XIV, XVI e XVII, assim como de 1882.

Os afrescos tem sido restaurados sucessivamente entre 1912 e 1915, em 1934, em 1944 e entre 1977 e 2000.

O monumento foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1979.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Igreja de Boyana