Igreja de São Jorge (Juiz de Fora)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Igreja de São Jorge
Parte traseira.
Local Juiz de Fora
Endereço Bairro Santa Helena
Visão externa da Igreja de S. Jorge

A Paróquia Melquita Católica de São Jorge é uma igreja localizada no bairro Santa Helena da cidade de Juiz de Fora.[1] Foi fundada em 1958 pelos sírios praticantes do Rito Bizantino que chegaram na cidade junto com as imigrações de outros árabes para o local no fim do século XIX e início do XX.[1] A primeira missa foi realizada em 1965, quando a construção ficou pronta. Ainda hoje é frequentada pela colônia árabe.[1]

Sociedade Beneficente[editar | editar código-fonte]

A Sociedade Beneficente Melquita de São Jorge foi fundada em 1957 pelos sírios praticantes do Rito Bizantino que chegaram na cidade junto com as imigrações de outros árabes para o local no fim do século XIX e início do XX.[1] É composta por mulheres que ainda hoje se reúnem uma vez por semana para rezarem e cantarem em árabe.[1] A sociedade possui fins filantrópicos e organiza, no dia de São Jorge, uma festa com barraquinhas e comidas típicas árabes nas ruas próximas à Igreja Melquita, convertendo a renda para obras sociais.[1]

Referências

  1. a b c d e f VÉUS SOBRE A RUA HALFELD: UM ESTUDO SOBRE AS MULHERES MUÇULMANAS DA MESQUITA DE JUIZ DE FORA E O USO DO VÉU (PDF) 46-47 pp. Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da Universidade Federal de Juiz de Fora (Agosto de 2006). Visitado em 16 de outubro de 2011. "Com relação às crenças religiosas, podemos dizer que os árabes que chegaram a Juiz de Fora em fins do século XIX, início do século XX, eram cristãos católicos. Os sírios praticavam o Rito Bizantino nas missas e cerimônias. Fundaram na cidade de Juiz de Fora, em 1958, a Paróquia Melquita Católica de São Jorge. A Igreja ficou pronta, em 1965, quando foi realizada a primeira missa. Esse templo situa-se no Bairro Santa Helena, sendo freqüentado, ainda hoje, pela colônia árabe. Fundaram também uma sociedade beneficente em 1957. A Sociedade Beneficente Melquita de São Jorge é integrada por mulheres, que ainda hoje, se reúnem uma vez por semana para rezarem e cantarem em árabe. A sociedade também tem fins filantrópicos e no dia de São Jorge, 23 de abril, há uma festa com barraquinhas e comidas típicas árabes nas ruas próximas à Igreja Melquita. A renda é aplicada em obras sociais."

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este(a) artigo sobre capela, igreja ou catedral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.