Igualdad Animal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Igualdad Animal ativistas, Madrid, 2007
Igualdad Animal ativistas protestam contra o consumo de produtos de origem animal
Membros do Igualdad Animal de uma manifestação em Callao, Madrid

Igualdad Animal é uma Organização não Governamental (ONG) sem fins lucrativos de carácter internacional, cujo objectivo é "abolir a escravatura animal, assegurando que os outros animais são considerados iguais aos seres humanos e respeitadas como tal". Esta abordagem leva a questionar o especismo, a utilização dos animais, bem como a condição de propriedade que possuem.[1] A organização está actualmente presente em Espanha, Inglaterra, Peru, Venezuela e Colômbia. As suas actividades estão centradas nas cidades de Madrid e Barcelona.

O objectivo de Igualdad Animal é conscientizar a sociedade sobre a injustiça que envolve discriminar os interesses dos demais animais, de acordo com seu tipo (espécies), bem como sobre os prejuízos causados aos demais animais utilizados como alimento, diversão objeto de experimentação ou vestuário".

Esa organização está envolvida em atos nas ruas para promover o respeito pelos animais.[2] Também realizadas várias ações de repercussão mediática, como acorrentar-se em frente a um matadouro,[3] resgates aberto de seis suínos[4] e uma investigação nos matadouros da Espanha.[5] também penduraram-se en rapel de um Toro Osborne[6] e da Praça de Touros de Las Ventas.[7] Em Junho de 2008, duas acções conjuntas na arena La Monumental de Barcelona: enquanto dois dos ativistas baxavam na fachada, outros quatro invadian a arena depois da morte de um dos touros.[8] [9] De acordo com os organizadores da manifestação, os ativistas que participaram foram agredidos pelo público e trabalhadores da arena. Em Julho de 2008 Igualdad Animal apresentou uma reportagem onde varios ativistas entraram em uma granja da empresa Campofrío, coletando dezesseis cadáveres de suínos, que foram posteriormente levadas para o escritório da empresa.[10]

Em 21 de janeiro de 2009, Telecinco transmitiu no programa "Diario De" imagens da invasão a praça de touros Igualdad Animal Saragoça a entrada em uma granja com 40.000 galinhas para relatar a sua situação, bem como os momentos que antecederam a essas ações.[11]

Igualdad Animal está em contra à reforma das condições em que os animais são tratados e, portanto, opõe-se às medidas reformadoras ou ben-estaristas de outras organizações.

Referências

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]