Ilhas Cagarras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Bairros de Ipanema e Lagoa, Rio de Janeiro, Brasil: ao fundo, o Arquipélago das Cagarras.

O Arquipélago das Cagarras, popularmente conhecido como simplesmente Ilhas Cagarras, localiza-se no Oceano Atlântico, ao largo da cidade e estado do Rio de Janeiro, no Brasil.

Cerca de cinco quilômetros ao Sul da conhecida praia de Ipanema, o arquipélago é integrado por sete ilhas e rochedos:

  • Laje da Cagarra
  • Cagarra
  • Filhote da Cagarra
  • Matias
  • Praça Onze
  • Ilha Comprida
  • Palmas

História[editar | editar código-fonte]

Não há consenso entre os autores acerca da origem do nome do arquipélago. A versão mais comumente aceita refere que a toponímia seria devida à grande quantidade de excremento das aves marinhas que habitam, nidificam e se alimentam nas suas ilhas. Após se alimentarem, principalmente de peixes, excretam suas fezes, ricas em cálcio, nas encostas rochosas das ilhas, manchando-as de branco.

Em 1730, a Cagarra, a sua ilha principal, figura numa carta náutica com o nome afrancesado de "Ilha Cagade". Em outra carta, datada de 1767, a mesma ilha figura com a sua denominação em português: "Ilha Cagado".

Um outro fato, no mínimo curioso, é que o nome do arquipélago é o mesmo de uma ave, que vive nos arquipélagos da Madeira e dos Açores (territórios portugueses): a cagarra ou cagarro ("Calonectris diomedea"), mas não é encontrada nas ilhas brasileiras.

No dia 13 de abril de 2010 o Presidente em exercício José Alencar assinou decreto criando o "Monumento Nacional das Cagarras", por iniciativa do Deputado Fernando Gabeira do PV, sendo , portanto, uma unidade de preservação ambiental. Ali próximo existe o lançamento de esgotos de praticamente toda a Zona Sul da cidade do Rio de Janeiro, através do emissário submarino de Ipanema, uma importante obra de engenharia sanitária construída na década de 1970 e de acordo com o Protocolo de Annapolis.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Rio de Janeiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.