Indústria alimentar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Produção de queijo.
Embalagens industriais de chá.
Indústria pesqueira.

A indústria alimentar ou indústria alimentícia é o conjunto de atividades industriais em que se preparam, normalmente em quantidades que devem ser comercializadas, alimentos ou ingredientes para a preparação de alimentos.

Numa definição mais geral, podem considerar-se parte da indústria de alimentos, também a sua comercialização, por exemplo através dos supermercados ou companhias de entrega de alimentos. Um dos poucos aspetos comuns a este conjunto de atividades é que, uma vez que mexem com produtos que podem ter um efeito direto na saúde, elas devem ser realizadas com a máxima higiene.

Tipos de indústrias alimentícias[editar | editar código-fonte]

Analisando as diferentes atividades industriais relacionadas com os alimentos, podemos considerar:

  1. As indústrias que preparam alimentos frescos, incluindo os abatedouros e as empresas que selecionam e embalam vegetais para venda a retalho;
  2. As indústrias de conservas, que transformam alimentos frescos em produtos com maior tempo de prateleira;
  3. As indústrias que fabricam produtos que servem para preparar alimentos, como a moagem ou o fabrico de sal de cozinha; e finalmente
  4. As indústrias que fabricam alimentos prontos a consumir, incluindo os alimentos congelados que podem ser comidos depois de aquecidos, como as pizzas empacotadas, e as churrascarias, mas excluindo as conservas.

Ver também[editar | editar código-fonte]