Insinity

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Insinity
Álbum de estúdio de Dr. Sin
Lançamento 1997
Gravação 61:19
Gênero(s) Hard rock
Gravadora(s) Paradoxx Music - Unimar Music
Produção Dr. Sin e Michael Vescera
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

  • Amazon 5 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svg
Cronologia de Dr. Sin
Último
Último
Brutal
(1995)
Alive
(1999)
Próximo
Próximo

Insinity é o terceiro álbum de estúdio da banda brasileira de hard rock Dr. Sin, lançado no ano de 1997.

História[editar | editar código-fonte]

Com a missão de dar continuidade a uma brilhante carreira, o Dr.Sin novamente foi para os EUA para gravar "Insinity" e foi com ele que o Dr.Sin provou a todos que é possível fazer Rock Pesado, Rico em Harmonia e melodia. Nesse álbum encontram-se novidades, como a faixa Bônus "Holy Man" (no Japão), e no Brasil a faixa cantada em português "Futebol, Mulher e Rock n' Roll" com a participação de Silvio Luis narrando a partida.
Grandes shows marcaram o ano de 1997, como o festival "Skol Rock" abrindo para bandas como: Dio, Bruce Dickinson, Jason Bonhan e Scorpions, alem das aberturas dos shows para o Dream Theater e Yngwie Malmsteen. O sueco gostou tanto da apresentação de abertura deles que, ao lançar o seu “Live in Brazil”, incluiu, na versão japonesa, um EP com quatro faixas ao vivo do Dr. Sin. No Brasil surpreendeu a todos com a mistura de Dr.Sin & Malmsteen, com a incrível marca de 50.000 cópias vendidas no Japão só na primeira semana.
Os clips ficaram por conta da música Futebol, Mulher e Rock n' Roll, que foi sucesso absoluto na MTV Brasileira e nas rádios de todo país no ano de 1997 e 1998 (devido a copa do mundo).

Track listing[editar | editar código-fonte]

  1. "Brother" – 3:59
  2. "Sometimes" – 4:40
  3. "Echoes of Insinity" – 4:09
  4. "Revolution" – 6:06
  5. "Insomnia" – 3:33
  6. "Innocent Crime" – 4:00
  7. "Flying to Die (the Other Side)" – 3:31
  8. "No Rules" – 4:10
  9. "Wake me Up" – 4:22
  10. "Living and Learning" – 4:48
  11. "Faces" – 4:42
  12. "Lost and Confused" – 3:14
  13. "Zero" - 4:14
  14. "S.O.B." - 3:29
  15. "Futebol, Mulher e Rock n' Roll (* faixa bonus apenas para o Brasil)" - 4:22
  16. "Holy Man (cover do Deep Purple - * faixa bonus apenas para o Japão)" - 4:45

Formação[editar | editar código-fonte]

Convidados Especiais[editar | editar código-fonte]

Michael Vescera (ex-Yngwie Malmsteen e Loudness) na música No Rules.
Jonathan Mover (Steve Vai) na música Insomnia (2nd drums).
Marcelo Souss nos teclados.
Silvio Luis na música Futebol, Mulher e Rock n' Roll.

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Dr. Sin é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.