Instituto Federal do Paraná

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
IFPR
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná
Logotipo IFET.svg
Fundação 29 de dezembro de 2008
Tipo de instituição pública federal
Reitor(a) Irineu Mário Colombo
Campi Curitiba (sede)
Assis Chateaubriand
Campo Largo
Cascavel
Foz do Iguaçu
Irati
Ivaiporã
Jacarezinho
Londrina
Palmas
Paranaguá
Paranavaí
Telêmaco Borba
Umuarama
Estado  Paraná
Página oficial www.ifpr.edu.br
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná (IFPR) foi criado mediante transformação da Escola Técnica da Universidade Federal do Paraná. Sua Reitoria está instalada em Curitiba.

O Instituto Federal do Paraná é uma autarquia Federal criada a partir da lei 11.892 de 29 de dezembro de 2008, que transformou da Escola Técnica da Universidade Federal do Paraná (ET-UFPR) em Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFPR). Cada instituto é organizado em estrutura com vários campi e proposta orçamentária anual identificada para cada campus e Reitoria.

O Instituto Federal do Paraná conta com uma reitoria e quatorze campi, nas cidades de Curitiba, Assis Chateaubriand, Cascavel, Campo Largo, Foz do Iguaçu, Irati, Ivaiporã, Jacarezinho, Londrina, Palmas, Paranaguá, Paranavaí, Telêmaco Borba e Umuarama.

O Instituto[editar | editar código-fonte]

O Instituto Federal do Paraná (IFPR) é uma instituição pública federal de ensino vinculada ao Ministério da Educação (MEC) por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC). Oferece educação superior, básica e profissional, especializada na oferta gratuita de educação profissional e tecnológica nas diferentes modalidades e níveis de ensino.

Ganharam status de instituto os antigos CEFETs, escolas técnicas e agrotécnicas. Em todo Brasil, existem 38 Institutos Federais, o grande diferencial desses institutos é a oferta de todos os níveis de ensino na mesma instituição. Pela primeira vez é possível oferecer, no mesmo local, desde a educação básica (cursos de nível médio e técnico) até a Pós-Graduação. Dentro do IFPR os cursos estão divididos nos seguintes níveis:

Educação Básica: Compreende os cursos técnicos de nível médio, nas modalidades Integrado ao Ensino Médio, Concomitante, Subsequente, Cursos de Formação Inicial Continuada (FIC) e cursos pelo Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica, na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (Proeja).

Educação Superior: Compreende cursos de Tecnologia, Bacharelado e Licenciaturas.

Educação a Distância (EAD): São cursos de diversos níveis oferecidos em uma tecnologia de ensino presencial virtual, por transmissão via satélite. Nessa modalidade, os alunos assistem às teleaulas (ao vivo) divididos nos polos de apoio presencial e podem interagir ao vivo pela internet ou por telefone.

Atualmente são 14 campi espalhados pelo Paraná e polos de apoio presencial em mais de 230 cidades paranaenses e em todos os estados da federação pelo setor de Educação à Distância (EAD) do IFPR. Em 2013 o instituto oferece 76 cursos técnicos presenciais, 10 cursos técnicos na modalidade à distância, 17 de nível superior de modalidade presencial, um superior à distância, um curso de especialização na modalidade presencial e 3 cursos de especialização na modalidade à distância, todos públicos e gratuitos. São cerca de 40 mil estudantes atendidos entre cursos de modalidade presencial e à distância.[1]

Está em fase de implantação mais seis campus do IFPR que compreendem a terceira fase de ampliação da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Os municípios que em breve irão receber os campus são: Capanema, Colombo, Jaguariaíva, Pitanga, Pinhais, União da Vitória.[1]

Todos os cursos implantados são escolhidos a partir da necessidade de cada região.

Campi[editar | editar código-fonte]

Out of date clock icon.svg
Este artigo ou seção pode conter informações desatualizadas.

Se sabe algo sobre o tema abordado, edite a página e inclua informações mais recentes.

Campus Curitiba[editar | editar código-fonte]

O Campus Curitiba oferece vinte opções de cursos técnicos:

  • Petróleo,
  • Informática,
  • Jogos Digitais,
  • Transações Imobiliárias,
  • Telecomunicações,
  • Saúde Bucal,
  • Radiologia,
  • Prótese Dentária,
  • Produção de Áudio e Vídeo,
  • Processos Fotográficos,
  • Mecânica,
  • Massoterapia,
  • Enfermagem,
  • Eletrotécnica,
  • Eletromecânica,
  • Edificações,
  • Contabilidade,
  • Administração,
  • Eventos,
  • Secretariado,

Parte dos cursos é ministrada de forma integrada ao Ensino Médio, enquanto os demais são subsequentes.

O Campus já se tornou referência de ensino em diversas áreas e vários alunos já receberam prêmios importantes, como em Festivais de Cinema e Mostras de Fotografia, além de medalhas em Olimpíadas de Matemática e de Astronomia, por exemplo.[carece de fontes?]

O campus é dirigido pelo Prof. Luiz Gonzaga Alves de Araújo. O Prof. Adriano Willian é o responsável pela Direção de Ensino. O atual quadro de servidores já conta com mais de 400 profissionais, entre técnicos e docentes.

Campus Foz do Iguaçu[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pela Profª. Roseli Bernardete Dahlem, oferece os seguintes cursos:

Técnico Integrado ao Ensino Médio:

Técnico Concomitante ao Ensino Médio:

  • Cozinha;

Técnico Subsequente:

Campus Jacarezinho[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pelo Prof. Gustavo Villani Serra. Oferece os seguintes cursos:

Técnico Integrado ao Ensino Médio/Subsequente:

  • Eletromecânica;
  • Alimentos;
  • Informática;

Campus Paranaguá[editar | editar código-fonte]

O campus Paranaguá teve sua aula inaugural em 30 de Agosto de 2008, na época sendo considerado Unidade de Ensino Descentralizado (UNED) da então Escola Técnica da Universidade Federal do Paraná. Seguindo o plano de implantação dos Institutos Federais o campus pretende inserir formação superior tecnológica a partir de 2012.

Iniciando com três cursos técnicos integrados ao ensino médio:

Nais tarde expandindo seu atendimento para mais três:

Campus Paranavaí[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pelo Prof. José Barbosa Dias Junior. Oferece os seguintes cursos:

Técnico Concomitante ao Ensino Médio/subsequente:

  • Informática;
  • Eletromecânica;
  • Alimentos;

Campus Telêmaco Borba[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pela Pedagoga Karina Mello Bonilaure. Oferece os seguintes cursos:

Graduação

  • Física - Licenciatura;
  • Automação Industrial - Tecnólogo;
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas - Tecnólogo;

Técnico Subsequente:

  • Eletromecânica;
  • Design de Móveis;
  • Informática para Internet;
  • Programação de Jogos Digitais;

Técnico Concomitante/Subsequente ao Ensino Médio:

  • Agroecologia;
  • Automação Industrial;
  • Florestas;
  • Informática;
  • Mecânica;

Campus Umuarama[editar | editar código-fonte]

O campus Umuarama do Instituto Federal do Paraná teve as atividades iniciadas em 24 de maio de 2010.

Cursos técnicos

  • Técnico em Agronegócio
  • Técnico em Design de Móveis
  • Técnico em Informática
  • Técnico em Orientação Comunitária
  • Técnico em Agroecologia
  • Técnico em Açúcar e Álcool
  • Técnico em Controle Ambiental
  • Técnico em Desenho de Construção civil

Campus Irati[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pelo prof. Francis Baranoski. Oferece os seguintes cursos:

Técnico Subsequente:

  • Agroecologia;
  • Informática;

Técnico Integrado :

  • Agroecologia;
  • Informática;

Campus Avançado Londrina[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pela prof. Edilomar Leonart. Em 2011 a Prefeitura de Londrina doou um terreno de cerca de 57 mil m² para a construção da nova sede do IFPR – Campus Londrina. A área fica situada na Avenida da Liberdade – Bairro Gleba Jacutinga, próximo ao Estádio do Café.

Oferece os seguintes cursos:

Técnico Concomitante ao Ensino Médio:

  • Informática para internet;

Técnico Subsequente:

  • Prótese Dentária;
  • Saúde Bucal;
  • Massoterapia;

Campus Avançado Palmas[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pela profª Ivania Marini Piton. Antiga UNICS, e agora IFPR. Foi federalizada em fevereiro de 2010. Mas o seu funcionamento foi aberto a partir de 2011, por motivos burocráticos.

Graduação

  • Administração;
  • Ciências da Natureza;
  • Ciências Contábeis;
  • Direito;
  • Engenharia Agronômica;
  • Engenharia Civil;
  • Educação Física – Licenciatura;
  • Letras Português/Inglês;
  • Artes – Licenciatura;
  • Pedagogia;
  • Sistemas de Informação;
  • Química;
  • Enfermagem;
  • Farmácia.

Campus Avançado de Ivaiporã[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pelo Prof. Onivaldo Flores Junior. Oferece os seguintes cursos:

Técnico Subsequente:

  • Eletrotécnica.

Técnico Concomitante/Subsequente ao Ensino Médio:

  • Eletrotécnica;
  • Informática;
  • Agroecologia.

Campus Avançado de Assis Chateaubriand[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pelo Prof. Vicente Estevam Sandeski. Oferece os seguintes cursos:

Técnico Concomitante/Subsequente ao Ensino Médio:

  • Informática;
  • Agroecologia;

Técnico Subsequente:

  • Manutenção e Suporte em Informática;
  • Eletrotécnica;
  • Telecomunicações;
  • Orientação Comunitária;

Campus Avançado de Cascavel[editar | editar código-fonte]

Oferece o curso subsequente de Informática.

  • Informática Integrado;

Campus Avançado de Campo Largo[editar | editar código-fonte]

Atualmente dirigido pelo Prof. João Cláudio Madureira. Oferece os seguintes cursos:

Técnico Subsequente:

  • Mecânica;
  • Eletrotécnica;
  • Agroecologia;

Referências

  1. a b IFPR - Institucional. Visitado em 23 de outubro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre escolas ou colégios é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.