Campus Ituiutaba do Instituto Federal do Triângulo Mineiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde dezembro de 2010).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
IFTM - Ituiutaba
Campus Ituiutaba do Instituto Federal do Triângulo Mineiro
Logotipo IFET.svg
Fundação 29 de Dezembro de 2008
Tipo de instituição Pública Federal
Reitor(a) Ronaldo Eurípedes Ananias
Diretor(a) Humberto Ferreira Minéu
Estado Minas Gerais
Página oficial www.iftm.edu.br/ituiutaba
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

O Campus Ituiutaba do Instituto Federal do Triângulo Mineiro está localizado na região do Triângulo Mineiro do Estado de Minas Gerais, oferecendo educação Técnica e Tecnológica gratuita. Está localizado no Bairro Novo Tempo II na Av. Córrego da Pirapitinga S/nº e possui uma área territorial equivalente a 1.660.901 m² doada pela Prefeitura Municipal de Ituiutaba. A construção do prédio já ocupa uma área de, aproximadamente, 4.000 m², distribuídas em um auditório, biblioteca, laboratórios de Química, Biologia, Informática e Alimentos, além de um equipado refeitório e amplas salas de aula.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Acesse as informações sobre o histórico do Campus nas referências externas do artigo..[1]

IFTM - Campus Ituiutaba.

Estrutura do Campus[editar | editar código-fonte]

Diretoria Geral[editar | editar código-fonte]

  • Protocolo (entrada e saída de documentos)
  • Gabinete (agenda da direção geral)

Diretoria de Ensino é diretamente ligada à estudantes, professores e coordenadores de cursos.

  • Salas de Aula;
  • Auditório;
  • Secretaria;
  • Pedagogia;
  • Biblioteca;
  • Laboratórios;
  • Apoio ao Estudante;
    • Acompanhamento das atividades discentes (disciplina, uniforme, notas, frequência)
    • Acompanhamento e distribuição de bolsas (demanda social e complementação escolar)
  • Coordenação de cursos;
    • Elaboração de planos de cursos
    • Organização e distribuição de horários de aula
    • Acompanhamento da vida acadêmica do estudante.
  • Cordenação de Pesquisas e extensão, ensino à distancia e estágios;
    • Estimular professores a desenvolver projetos juntamente com os alunos;
    • Acompanhar e cordenar os horários de aula e os cursos oferecidos;
    • Ajudar os alunos no término do curso em estágios, para adquirição de experiencia.


Diretoria Administrativa é ligada ao funcionamento e organização do campus. E é dividida nos seguintes setores de funcionamento.

  • Administração;
  • Auditoria
  • Recursos Humanos
  • Financeiro;
  • Contabilidade
  • Compras e Licitações
  • Patrimônio
  • Agronomia
  • Refeitório;
  • Tecnologia da Informação

Programa de Bolsas[editar | editar código-fonte]

O Instituto Federal ainda conta, com programas de bolsas que beneficiam os alunos, tanto na área de Complementação Educacional , Demanda Social e Iniciação Científica.

  • Complementação Educacional:
    • A bolsa de complementação educacional, refere-se a um projeto que instiga o aluno a estudar ou a um monitoramento que será servido á atividades em setores no campus.
    • Na área de pesquisa e extensão, no anos 2010/2011 estão os alunos:
Aluno(a) Contemplado Professor(a) Orientador(a) Titulo do Projeto
Weder Nunes Ferreira Júnior Gabriela Fernanda Silva Borges A Educação Ambiental como incentivo à redução, reutilização e reciclagem dos resíduos sólidos produzidos no IFTM - Campus Ituiutaba
José Vitor Oliveira Reis Júnia de Oliveira Costa Possível controle de proliferação do mosquito Aedes Aegypti utilizando látex como inseticida biológico.
Rodrigo Rocha dos Santos Marcelino Franco de Moura Levantamento de empresas informais no ramo tecnológico e a implantação de estratégias mercadológicas e operacionais para o seu desenvolvimento e regulamentação no mercado ituiutabano
    • Na área de monitoramento de setores no ano de 2010/2011 estão os alunos;
Aluno(a) Setor
Renato Rissate Laboratório de Agroindústria
João Otávio Santos Silva Laboratório de Química
Isabela de Freitas Lima Laboratórios de Agroindústria
Marc Sué Pires Moraes Júnior Laboratório de informática
Deborah Bezerra da Silva Assessoria de Comunicação social e Marketing
  • Demanda Social:
    • A bolsa de demanda social, é referente às pessoas que tem baixa renda e tem como comprovar à mesma. Conta ainda com uma bolsa de um valor especifico em troca de serviços que o aluno prestará ao instituto.
    • Os alunos que prestam serviços ao instituo em troca da bolsa são divididos em setores, nos anos de 2010/2011:
Aluno(a) Setor
Wilson Gonzaga Neto T.I.(Audio visual)
Adriano Lemos Medeiros Biblioteca
Sara Garcia da Silva Recepção
Cibele da Silva Souza Biblioteca
Marco Aurélio Borges Godoi T.I.
Monalisa Lopes dos Santos Recepção
Whigney Roberto França G. T.I.
Alexandre Faria Silva Biblioteca
Elias Henrique Cardoso S. M. T.I.
Lauriane Mendes Audio/visual - T.I.
Brunno Eduardo Vilela Batista Direção geral/protocolo
  • Iniciação Científica:
    • A bolsa de iniciação científica, é ligada a BIC-Jr/Cnpq e a BIC-Jr/FAPEMIG e traz aos alunos um estimulo para o mundo das pesquisas e do conhecimento sobre o tema abordado pelo seu orientador.
    • Alunos contemplados para a bolsa de iniciação científica júnior (BIC- Jr/FAPEMIG) de 2010/2011;
Aluno(a) Contemplado Professor(a) Orientador(a) Título do Projeto
Andreza Barbosa Mosse Rômulo C. Clemente Toledo Avaliação da qualidade microbiólogica das refeição do IFTM - Campus Ituiutaba
Mateus Castro Silva Sistema de informação para gestão integrada de resíduos sólidos-SIGRES
Silvana Gonçalves Hípólito Sérgio Marcos Sanches Avaliação de parâmetros químicos, físicos e microbiólogicos em água do córrego Pirapitinga - Ituiutaba - MG
    • Alunos Contemplados na bolsa de iniciação científica júnior (BIC-Jr/CnPq)de 2010/2011;
Aluno(a) Contemplado(a) Professor(a) Orientador(a) Título do Projeto
Denise Camargo da Silva Gislaine Fernandes Reciclagem do óleo residual de fritura para fabricação de sabão ecológico e biodiesel (I)
João Henrique B. Rocha Rodrigo Gassi Martins Desenvolvimento de software esportivo: uso de scout no futebol
Isis Andressa R. Araújo Sírley Cristina Oliveira A história no cinema e o tema da ditadura militar
Carolina Lelis Silva Isaura Maria Ferreira Microbiota contaminante em carne moída bovina na cidadde de Ituiutaba - MG
Renato Mendonça Borges Gislaine Fernandes Reciclagem do óleo residual de fritura para fabricação de sabão ecológico e biodiesel (II)
Laura Rocha Batista Flávio Caldeira Silva Suplementação de pão francês com farinha de casca de banana madura
Maria Júlia Santos Dantas Ronald Costa Maciel Desenvolvimento de processo para produção de sabão a partir do óleo culinário usado
Estevan Rosado Muniz Marques Juraci Lourenço Teixeira Aspectos biológicos de formas evolutivas do mosquito culex quinquefasciatus após exposição a extratos de plantas da família meliaceae
Lucas Henrique de Melo Fabiano Caetano de Souza Geração de números pseudoaleatórios a partir do movimento de uma partícula confinada no plano.

Ensino[editar | editar código-fonte]

Cursos Técnicos Integrado ao Ensino Médio[editar | editar código-fonte]

AGROINDÚSTRIA[editar | editar código-fonte]

  • Objetivos

O curso Técnico em Agroindústria tem como objetivo formar pessoas capazes de exercer atividades de gestão, planejamento, produção animal, vegetal e agro-industrial, estruturadas e aplicadas de forma sistemática para atender às necessidades de organização e produção dos diversos segmentos da cadeia produtiva do agronegócio, visando à qualidade e à sustentabilidade econômica, ambiental e social.


  • Mercado de trabalho

Quem é o Técnico em Agroindústria?

O Técnico em Agroindústria é um profissional que atende a esta nova realidade socioeconômica atuando em projetos agroindustriais, indústrias alimentícias de processamento de produtos de origem animal e vegetal, restaurantes, hotéis, padarias, cooperativas, supermercados, comércio de hortifrutigranjeiros, laboratórios de controle de qualidade, auxiliando engenheiros de alimentos, químicos, nutricionistas e outros, ou como prestador de serviços.

Que atividades desempenha o Técnico em Agroindústria?

- Analisar as características econômicas, sociais e ambientais, identificando as atividades peculiares das áreas a serem implementadas;

- Planejar, organizar e monitorar:

- O processo de aquisição, preparo, conservação e armazenamento da matéria-prima e dos produtos agroindustriais.

- Identificar famílias de organismos e microorganismos, diferenciando os benéficos dos maléficos;

- Elaborar, aplicar e monitorar programas profiláticos, higiênicos e sanitários na produção animal e agro-industrial;

- Identificar e aplicar técnicas mercadológicas para distribuição e comercialização de produtos;

- Projetar e aplicar inovações nos processos de montagem, monitoramento e gestão de empreendimentos;

- Elaborar relatórios e projetos de impacto ambiental;

- Elaborar laudos, perícias, pareceres, relatórios e projetos, inclusive de incorporação de novas tecnologias.

- Acompanha o processo de beneficiamento e industrialização de produtos de origem animal e vegetal para a obtenção de alimentos com qualidade;

- Analisa a qualidade da matéria-prima e produtos;

- Avalia a qualidade durante o processo de beneficiamento e industrialização dos alimentos;

- Acompanha o programa de manutenção de equipamentos na agroindústria;

- Participa dos programas de gestão das empresas.


Onde atua o Técnico em Agroindústria?

- Linhas de produção de indústrias alimentícias;

- Analistas de laboratórios de controle de qualidade de matérias primas e alimentos;

- Supervisão e controle de qualidade em cozinhas industriais;

- Inspeção sanitária em geral;

- Responsável técnico em linhas de produção industrial e empresas produtoras/comercializadoras de alimentos em função do porte do empreendimento;

- Consultoria técnica e treinamento na área alimentar.


  • Corpo docente

-Arinaldo de Oliveira -> Graduação e Licenciatura em Matemática e Física -> Especialização em Matemática

-Flávia Fernandes de Leva -> Bacharel Engenheira Eletricista -> Mestrado em Engenharia Elétrica

-Flávio Caldeira Silva -> Graduação em Engenharia de Alimentos -> Mestrado em Engenharia de Alimentos

-Gislaine Fernandes -> Graduação em Engenharia Química -> Mestre em Engenharia Química

-Gyzely Suely Lima -> Licenciatura Plena em Português, Inglês e Literaturas -> Mestre em Teoria Literária

-Ilma Aparecida Martins Silva -> Pedagogia -> Especialização em Metodologia do Ensino Superior

-Isaura Maria Ferreira -> Graduada em Medicina Veterinária -> Mestrado em Ciências Veterinárias

-Jailda Maria Muniz -> Licenciatura em Química -> Especialização em Química

-Júnia de Oliveira Costa -> Bacharel e Licenciatura em Ciências Biológicas -> Mestrado em Bioquímica; Doutorado em Genética e Bioquímica

-Larissa Aparecida A dos Santos Alves -> Tecnologia de Alimentos

-Letícia Palhares Ferreira -> Pedagogia -> Especialização em educação a Distância

-Liana Castro Mendes -> Licenciatura Plena em Letras com habilitação em Português e Espanhol -> Especialização em Língua Espanhola e Literaturas de Língua Espanhola

-Lindolfo Marra de Castro Neto -> Graduação em Engenharia Elétrica -> Mestre e Doutor em Engenharia Elétrica

-Marcelino Franco de Moura -> Graduação em Administração -> Pós-Graduação Lato Sensu em Marketing e Comunicação

-Rômulo César Clemente Toledo -> Bacharel em Ciências e Tecnologia de Alimentos -> Doutorado em Microbiologia Agrícola

-Sérgio Cardoso Barcelos -> Graduação e Licenciatura Plena em Educação Física -> Mestre em Educação Física

-Sérgio Marcos Sanches -> Graduação em Química -> Pós doutorado em Saúde Pública

-Sirley Cristina Oliveira -> Graduação e Bacharelado em História -> Mestre em História Social


  • Disciplinas

Do ensino médio, e seus respectivos professores:

-Filosofia -> Sírley Cristina Oliveira

-Português -> Gyzely Suely Lima

-Matemática -> Arinaldo de Oliveira

-Educação Física -> Sérgio Cardoso Barcelos

-Artes -> Michele Souza

-Biologia -> Júnia de Oliveira Costa

-História -> Sírley Cristina Oliveira

-Inglês -> Gyzely Suely Lima

-Geografia -> Adriano De La Fuente

-Sociologia -> Sírley Cristina de Oliveira

-Física -> Fabiano Caetano de Souza

-Espanhol -> Liana Castro Mendes

-Química -> Jailda Maria Muniz

-Informática no Ensino Médio -> Rodrigo Grassi Martins


Do curso técnico, e seus respectivos professores:

-Introdução à agroindústria -> Isaura Maria Ferreira

-Tecnologia de Embalagens -> Flávio Caldeira Silva

-Ética, Cidadania e Exercício Profissional -> Michele Souza

-Segurança do trabalho -> Flávia Fernandes de Leva

-Processo de conservação de alimentos -> Héberly Fernandes Braga

-Eletromecânica -> Lindolfo Marra de Castro Neto

-Sistemas de Qualidade Aplicados à Agroindústria -> Isaura Maria Ferreira

INFORMÁTICA[editar | editar código-fonte]

Quem é o técnico em informática?

Um técnico em informática pode trabalhar em vários segmentos, desde formatar um computador e até desenvolver programas. Com o crescimento da informática e da computação e com a ascensão do mundo tecnológico, o técnico em informática ganhou uma ampla área de atuação no mercado de trabalho, que hoje, necessita de profissionais capacitados e atualizados. Quem cursa informática tem resumidamente três campos diferentes para trabalhar: Software, Hardware e Peopleware.

Software

Softwares abrangem todos os tipos de programas e sistemas em um computador e um profissional que escolhe esta área pode trabalhar como:

  • Web Designer;
  • Programador;
  • Desenvolvedor de Jogos;
  • Desenvolvedor de Sistemas Computacionais voltados para empresas.
  • Etc.

Hardware

Hardwares são as "partes físicas" de um computador, e um profissional que escolhe esta área pode trabalhar com:

  • Redes;
  • Banco de Dados;
  • Montagem e Manutenção de computadores;
  • Melhoramento da arquitetura das peças;
  • Etc.

Peopleware

Peoplewares não abrangem nenhuma parte de um computador, mas sim quem o usa. O profissional desta área trabalha principalmente com ajuda e suporte de clientes. Áreas de destaque:

  • Técnico em T.I.;
  • Suporte técnico em empresas de telefonia;
  • Análise de sistemas computacionais;
  • Etc.

Objetivos

O objetivo principal do curso técnico em informática é formar profissionais especializados e competentes para atuarem em diversas áreas do segmento e atenderem às exigencias do mercado de trabalho. Esta instituição oferece o curso de informática de dois tipos, diferenciando apenas o público alvo de ambos: Técnico em informática integrado ao ensino médio e Técnico em imformática modalidade concomitante. O curso de Informática Integrada ao Ensino Médio conta com 21 disciplinas no primeiro período: Filosofia, Português, Matemática, Educação Física, Artes, Biologia, História, Inglês, Geografia, Sociologia, Física, Espanhol, Química, Informática Ensino Médio, Inglês Instrumental, Português Instrumental, Arquitetura e Organização de Computadores, Fundamentos de Informática, Sistema de Informação, Algoritmo e Linguagem de Programação, Noções de Eletroeletrônica. O objetivo desta modalidade é formar profissionais na área de informatica e ao mesmo tempo concluir o ensino médio dos estudantes. Para entrar nesta modalidade do curso é preciso ter terminado o 9º ano do ensino fundamental e não ter concluido nenhum ano do ensino médio. O tempo de duração do curso é de três anos. O técnico em informática modalidade concomitante é voltado para pessoas que terminaram o ensino médio ou estejam cursando o mesmo em outra instituição, lembrando que o aluno de ter concluido no mínimo o primeiro ano do ensino médio. Não há diferença nas matérias deste curso e do Integrado, exceto o fato de este curso não contar com matérias como História, Geografia, etc. O curso tem duração de dois anos.

Corpo Docente[editar | editar código-fonte]

  • Ailton Luiz Dias Siqueira Júnior - Mestre em Engenharia Elétrica
  • Arinaldo de Oliveira - Especialização em Matemática
  • Fabiano Caetano de Souza - Doutor em Ciências (Física Básica)
  • Gustavo Prado Oliveira - Mestre em Engenharia Mecânica
  • Gyzely Suely Lima - Mestre em Teoria Literária
  • Jailda Maria Muniz - Especialização em Química
  • Júnia de Oliveira Costa - Mestrado em Bioquímica e Doutorado em Genética e Bioquímica
  • Liana Castro Mendes - Especialização em Língua Espanhola e Literaturas de Língua Espanhola
  • Lindolfo Marra de C. Neto - Doutorado em Engenharia Elétrica
  • Marcelino Franco de Moura - Especialização em Comunicação e Marketing
  • Michele Soares - Mestrado em História
  • Reane Franco Goulart - Mestre em Ciência da Computação
  • Rodrigo Grassi Martins - Mestre em Ciência da Computação
  • Sérgio Cardoso Barcelos - Mestre em Educação Física
  • Silone Ferreira da Silva - Mestre em Engenharia Elétrica
  • Sirley Cristina Oliveira - Mestre em História Social

Disciplinas[editar | editar código-fonte]

  • Administração de Redes Linux;
  • Administração de Redes Windows e Sem Fio;
  • Algoritmo e Linguagem de Programação;
  • Arquitetura e Organização de Computadores;
  • Artes;
  • Banco de Dados;
  • Biologia;
  • Educação Física;
  • Empreendedorismo e Sustentabilidade;
  • Engenharia de Software;
  • Espanhol;
  • Ética, Cidadania e Exercício Profissional;
  • Filosofia;
  • Física;
  • Fundamentos de Informática;
  • Geografia;
  • Gerência de Projeto;
  • História;
  • Informática ensino médio;
  • Inglês;
  • Inglês Instrumental;
  • Laboratório de Hardware;
  • Matemática;
  • Noções de Eletroeletrônica;
  • Português;
  • Português Instrumental;
  • Programação Estruturada;
  • Programação Orientada a Objeto;
  • Programação para Internet;
  • Química;
  • Redes de Computadores;
  • Sistema de Informação;
  • Sistemas Operacionais;
  • Sociologia.

Cursos Técnicos Concomitantes ao Ensino Médio[editar | editar código-fonte]

  • Agroindústria.
  • Eletrotécnica.
  • Informática.
  • Química.

Pós-graduação[editar | editar código-fonte]

  • Desenvolvimento de Sistemas para Web e Dispositivos Móveis.
  • Ciências Ambientais.

Laboratórios[editar | editar código-fonte]

Laboratório de Agroindústria[editar | editar código-fonte]

Laboratório de Carnes.

No curso técnico de agroindústria os alunos têm suas aulas práticas em amplos e modernos laboratórios denominados de "Plantas" que se dividem em: carne, leite e alimentos. Os alunos do curso tem a oportunidade de realizar experimentos, fazer e criar novas receitas com auxilio do professor na questão de higiene e manuseio dos equipamentos. Aprendem também a avaliar a qualidade microbiólogica de uma refeição, a estabelecer os parâmetros químicos, físicos e microbiologicos da água. Há no curso os projetos de microbiota de carne bovina, reautilização de óleo residencial para a fabricação de sabão ecológico e biodisel, suplementação do pão francês com farinha de casca de banana madura, entre vários outros. Com isso adquirem experiência na área estudada. O Curso Técnico em Agroindústria proporciona aos alunos uma formação crítica, proativa, criativa, ética e capacita-os a articular, mobilizar e colocar em prática conhecimentos, habilidades e valores adquiridos ao longo do curso, necessários para exercer funções e atividades requeridas ao Técnico em Agroindústria. O aluno egresso estará capacitado a atuar no setor agroindustrial, determinando, monitorando e aplicando tecnologias economicamente viáveis na industrialização de produtos de origem vegetal e animal e seus subprodutos; bem como, trabalhar em equipe, buscando sempre o aperfeiçoamento técnico-profissional, e a compatibilização do desenvolvimento econômico com a conservação ambiental e a garantia da qualidade de vida. A formação discente será desenvolvida mediante aulas teórico-práticas em sala e nos laboratórios de alimentos (carnes, leite e panificação, bromatologia). No laboratório de carnes estão disponíveis equipamentos como Tambler (serve para marinar as carnes), Seladora Semi Automática, Seladoras a Vácuo, Injetor de Salmoura, Canhão para embutidos, Defumador de alimentos, Amaciador de carnes, Fornos Industriais, Cutter (serve para triturar e emulsificar, os quais podem ser utilizados para a elaboração de diversos produtos, promovendo assim uma visão do processo de produção. No laboratório de leite e panificação estão disponíveis: Expositor de Vitrine Vertical, Desnatadeira, Tanque de Pasteurização, Batedeira, Iogurteira, liquidificador entre outros. Os laboratórios auxiliam direta e indiretamente no aprendizado do educando, já que eles estão colocando em prática o que aprende em aula. No laboratório de análises de alimentos são feitas análises físico-químicas, microbiológicas e sensoriais, análises estas de grande importância para garantir a qualidade dos produtos por ele elaborados.

Laboratório de Informatica[editar | editar código-fonte]

[Ver Foto do Laboratorio de Informatica]

O Instituto Federal do Triângulo Mineiro (Campus Ituiutaba), possui três laboratórios de Informática, cada um com 21 máquinas eficientes, e uma sala de TI(Tecnologia da Informação), munida com um servidor de alta performance. O servidor é gerenciado em tempo integral por dois profissionais especializados na área (Tecnologia de Informação). O servidor é responsável pelo gerenciamento do sistema de câmeras instalado no Campus, assim como é responsável pelo controle de conteúdo da Internet, que é usada em grande parte das matérias do curso de Informática.

O Campus também possui um laboratório de Hardware com uma ampla variedade de aparelhos eletrônicos que auxilia os alunos do curso a resolverem quaisquer problemas ou falhas de determinado componente de um computador. Posto isso, é importante frizar a colaboração de todos os alunos e servidores na preservação do pratriomônio público presente no Campus.

[Ver Foto do Laboratorio de Informatica]

Ingresso[editar | editar código-fonte]

Formas de ingresso.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. IFTM, IFTM. Histórico Site Oficial IFTM. Visitado em 19 de Novembro de 2010.