Instituto de Cinema da Dinamarca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Instituto de Cinema da Dinamarca (Dinamarques: Det Danske Filminstitut) é a agência nacional da Dinamarca responsável pelo suporte e incentivo ao cinema e à cultura cinematográfica, e por conservar este material de interesse nacional. É também conhecido como Filmhuset ( inglês: The House of Film), e está localizada em Gothersgade, na região central de Copenhague. As facilidades direcionadas ao público em geral incluem uma livraria e uma cinemateca, além de um museu dedicado ao cinema do país.

O instituto é um órgão do Ministério da Cultura da Dinamarca. Seu diretor atual é Henrik Bo Nielsen.[1] Integra o European Film Promotion, uma rede de organizações ligadas ao cinema com o intuito de divulgar a produção do continente.

História[editar | editar código-fonte]

O Instituto de Cinema da Dinamarca foi fundado em 1972, substituindo a Fundação Dinamarquesa de Cinema (Dinamarques: Den Danske Filmfond). Em 1996 uma nova Lei fundiu o Instituto de Cinema com a Statens Filmcentral e o Museu Nacional de Cinema da Dinamarca.

Atividades[editar | editar código-fonte]

O Instituto de Cinema da Dinamarca atua em três áreas principais:

  • Produção e desenvolvimento de todos os tipos de filmes
  • Distribuição e comercialização de filmes
  • Atividades de arquivologia e museologia

O Instituto apresenta filmes dinamarqueses e festivais dentro e fora do país e subsidia importantes produções cinematográficas de qualidade internacional.

Facilidades[editar | editar código-fonte]

Cibenateket[editar | editar código-fonte]

Cinemateket é o museu nacional de cinema, dedicada ao alargamento e divulgação da produção local bem como do cinema extrangeiro. Possui três salas de cinema que mostram uma combinação de filmes clássicos e filmes de vários temas. Ocasionalmente filmes contemporâneos que de outra forma não alcançariam o mercado dinamarques são indicados. Em sua videoteca também é possível encontrar filmes de curta metragem e documentários. Outras facilidades incluem uma livraria, um café e um restaurante.

Livraria[editar | editar código-fonte]

A livraria do Instituto possui cerca de 55,000 livros, além de periódicos importantes de diversos lugares da Europa, manuscritos e publicações raras.[2]

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
 ?  ?
1997–2007 Henning Camre
2007 – Henrik Bo Nielsen

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Henrik Bo Nielsen direktørfor Det Danske Filminstitut Berlingske. Página visitada em 2010-04-10.
  2. Det Danske Filminstituts Bibliotek AOK. Página visitada em 2010-04-10.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre cinema é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.