Instituto de Estudos Superiores Militares

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Instituto de Estudos Superiores Militares (IESM) é um estabelecimento de ensino superior universitário militar, destinado à formação - ao longo da sua carreira - dos oficiais das Forças Armadas Portuguesas e da Guarda Nacional Republicana. A formação dada no IESM habilita os oficiais para o desempenho de funções de comando, direção, chefia e estado-maior.

Introdução[editar | editar código-fonte]

O Instituto de Estudos Superiores Militares foi criado em Agosto de 2005, integrando as funções dos então extintos Instituto de Altos Estudos Militares (Exército Português), Instituto Superior Naval de Guerra (Marinha Portuguesa) e Instituto de Altos Estudos da Força Aérea (Força Aérea Portuguesa).

A unificação dos estabelecimentos de altos estudos das Forças Armadas teve como objetivo - além da poupança e racionalização de meios - a obtenção de uma maior unidade doutrinária e de uma maior cooperação entre o Exército, a Marinha, a Força Aérea e a Guarda Nacional Republicana.

Este, é por isso, um Instituto que não pertence a qualquer ramo das Forças Armadas, mas sim ao próprio Ministério da Defesa Nacional. O IESM situa-se em Pedrouços, na freguesia de Belém, no espaço físico do extinto Instituto de Altos Estudos Militares.

Missão[editar | editar código-fonte]

O Instituto de Estudos tem como missão/fundamento de existência, ministrar aos oficiais dos quadros permanentes das Forças Armadas Portuguesas a formação necessária nos planos científico, doutrinário e técnico das ciências militares, necessária ao desempenho das funções de comando, direcção e estado-maior ao nível dos respectivos ramos, resultando disso mesmo, a promoção de posto.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]