Instituto de Identificação Félix Pacheco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Instituto de Identificação Félix Pacheco

Organização
Natureza jurídica Órgão governamental
Dependência Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro
Chefia Marcio Pereira de Carvalho, diretor
Localização
Sede Rua Frei Caneca, 505 - Estácio
Rio de Janeiro, RJ
22° 54′ S 43° 12′ W
Histórico
Antecessor Gabinete de Identificação e Estatística da Polícia do Distrito Federal
Criação 29 de dezembro de 1902 (111 anos)

Instituto de Identificação Félix Pacheco (IIFP) é um órgão governamental especializado em identificação através de impressões digitais subordinado à Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.[1] [2] É dirigido pelo papiloscopista policial Marcio Pereira de Carvalho.[3]

Antigo Gabinete de Identificação e Estatística da Polícia do Distrito Federal criado em 29 de dezembro de 1902, recebeu a denominação atual em 1941 em homenagem a Félix Pacheco, introdutor da identificação datiloscópica no Brasil.[2]

Tem como principal função manter e atualizar o Arquivo Criminal do Estado. É responsável por confeccionar e emitir "Folhas de Antecedentes Criminais", "Atestado de Antecedentes", "Laudos de Perícia Papiloscópica", "Certidão de Vida Privada" e outros documentos associados à defesa da cidadania. Para atingir estes objetivos, possui o segundo maior acervo de documentos de identificação brasileiro, com mais de 13 milhões de "Registros Gerais", 13 milhões de "Folhas de Registro Civil", 15 milhões de "Individuais Datiloscópicas", cerca de oito milhões de "Cartões Nominais" e um milhão de "Prontuários Criminais".[2]

Está localizado na rua Frei Caneca, 505, no Estácio, cidade do Rio de Janeiro.[3]

Referências

  1. Delegacias/órgãos - Departamento de Polícia Técnica e Científica (em português) Polícia Civil do Rio de Janeiro. Página visitada em 27 de agosto de 2013.
  2. a b c Instituto de Identificação Félix Pacheco (Rio de Janeiro) (em português) Wikimapia.org. Página visitada em 27 de agosto de 2013.
  3. a b Instituto de Identificação Félix Pacheco (IIFP) (em português) Governo do Estado do Rio de Janeiro. Página visitada em 27 de agosto de 2013.