Intergenericidade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Intergenericidade, hibridização ou intertextualidade intergêneros é o fenômeno linguístico que consiste na assimilação por determinado gênero, que mantém seu propósito comunicativo, da forma de um outro gênero normalmente usado em outra situação comunicativa.

Exemplos de intertextualidade são convites de casamento (gênero convite) disfarçados (para fins lúdicos) de inúmeros outros gêneros, desde bula de remédio[1] a artigo científico[2] .

Referências

  1. Convite em forma de bula. Página visitada em 21 de março de 2013.
  2. Convite em forma artigo científico. Página visitada em 21 de março de 2013.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Ingedore Villaça Koch, Vanda Maria Elias. Ler e Compreender: os sentidos do texto. Editora Contexto. ISBN 978-85-7244-327-2.