Interlíngua (aprendizado)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

O termo interlíngua (IL), criado por Larry Selinker em 1972, refere-se a um estágio intermediário de um aluno que pretende adquirir uma segunda língua. Isto é, não é mais L1 e também não é ainda L2, mas contém elementos próprios das duas linguagens.

Imaginando um continuum entre L1 e L2, podemos afirmar que, em cada estágio do aprendizado (ou aquisição), o aprendiz fala uma interlíngua. Essa teoria pode ser aplicada, por exemplo, no estudo da análise de erros, na medida em que o erro passa a ser visto como uma tentativa do aprendiz de formular sua própria hipótese a cerca das regras da língua-alvo.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.