Handroanthus chrysotrichus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Ipê-amarelo-cascudo)
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaHandroanthus chrysotrichus
Ipê (Avaré) REFON.jpg

Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Subclasse: Asteridae
Ordem: Lamiales
Família: Bignoniaceae
Género: Handroanthus
Espécie: H. chrysotrichus
Nome binomial
Handroanthus chrysotrichus
Sinónimos
  • Gelseminum chrysotrichum (Mart. ex DC.) Kuntze
  • Tecoma chrysotricha Mart. ex DC.
  • Tecoma flavescens Mart. ex DC. Synonym H iPlants 2012-03-23
  • Tecoma grandis Kraenzl. Synonym H iPlants 2012-03-23
  • Tecoma obtusata DC.

Handroanthus chrysotrichus é uma espécie de árvore do gênero Handroanthus.[1] [2]

Outros nomes populares: ipê-amarelo-cascudo, ipê-do-morro, ipê, aipé, ipê-tabaco, ipê-amarelo-paulista, pau-d'arco-amarelo.[3]

Caraterísticas[editar | editar código-fonte]

Árvore pequena, com 2 a 10 m de altura. Folhas palmadas penta-folíoladas, com folíolos elíptico-oblongos ásperos, coriáceos, pubescentes em ambas as faces, sendo o terminal maior, com até 11 cm de comprimento. As flores, sésseis, se formam com a planta despida de folhas, entre agosto e setembro. Os frutos, vagens finas e longas, amadurecem entre setembro e outubro. A planta se desenvolve rapidamente no campo.

Ocorrência[editar | editar código-fonte]

Nas florestas ombrófila densa e estacional semidecidual da Mata Atlântica, nos estados brasileiros do sul (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul), sudeste (São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo) e nordeste (Bahia, Alagoas, Sergipe, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Maranhão e Piauí).[4]

Nativa também da Argentina.

Usos[editar | editar código-fonte]

A madeira é usada em tacos, rodapés, assoalhos e também externamente, como em postes. Sua casca cozida é adstringente e também usada contra inflamações bucais.

A árvore é a espécie de ipê-amarelo mais usada em paisagismo, inclusive em ruas estreitas e sob fiação elétrica.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Handroanthus chrysotrichus (em inglês) The Plant List (2010). Página visitada em 2/8/2014.
  2. Missouri Botanicaal Garden (2014). TropicoHandroanthus chrysotrichus (em inglês). Página visitada em 2/8/2014.
  3. Enciclopédia agrícola brasileira: I-M. EdUSP. 1995. pp. 101–. ISBN 978-85-314-0719-2.
  4. Lohmann, L.G., Alcântara S.F., Silva F.G.. Bignoniaceae in Flora brasiliensis revisitada. (18/04/2009)
Ícone de esboço Este artigo sobre a ordem Lamiales, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.